A MAIOR FEIRA DE MATO GROSSO PARA SUPERMERCADOS, PADARIAS E HOTÉIS.

A MAIOR FEIRA DE MATO GROSSO PARA SUPERMERCADOS, PADARIAS E HOTÉIS.
Av. Historiador Rubens de Mendonça, 2.368 - Sala 104 Bosque da Saúde - Cuiabá-MT - 78050-000 comercial@expovarejo.com.br | Fone: (65) 3057-5200

Iguá Saneamento

Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, nº 158 - Centro - CEP: 78005-906

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

ABAV EXPO 2018 Conecta

ABAV EXPO 2018 Conecta
Av. Olavo Fontoura, 1209 - Portão 1 - Santana, São Paulo - SP E-mail: visit@abavexpo.com.br

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

"Botelho destaca adesão de Cuiabá e VG no sistema de compra coletiva de medicamentos"

Gestores de Cuiabá e Várzea Grande aderiram ao consórcio intermunicipal de aquisição de medicamentos, equipamentos e serviços de saúde. Até o momento, 78 prefeituras já aderiram ao sistema. A assinatura ocorreu nesta quinta-feira (10.08), na sede do Ministério Público Estadual – MPE/MT. Agora, a minuta passará pelo crivo das câmaras municipais. Na oportunidade, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB) destacou a importância da participação das duas maiores cidades mato-grossenses como reforço ao sistema, que vai proporcionar uma economia de até 70% na aquisição de medicamentos pelas prefeituras, e de 30% ao Poder Executivo de Mato Grosso.


Para Botelho, o consórcio já está consolidado com a participação de 78 municípios. “Com a adesão de Cuiabá e Várzea Grande, hoje, ganhamos força e, possivelmente, vamos conseguir atingir todos os municípios, fazendo compra única e barateando ainda mais o custo dos medicamentos”, explicou o deputado.

O presidente procurador-geral de Justiça, Mauro Curvo, disse que a expectativa é que até dezembro o consórcio seja constituído. “Trabalhamos para que até o final do ano estejamos com as leis municipais aprovadas, com os 141 municípios fazendo a compra dos medicamentos, materiais e equipamentos de serviços através dos consórcios, para ganharmos em economia de escala e assegurar que o remédio chegue a quem está precisando. Esperamos que no ano que vem sejam desencadeadas as primeiras licitações”, esclareceu.

Wagner Simplício, assessor especial da Secretaria Estadual de Saúde, disse que a compra coletiva dará também celeridade no processo de compra e segurança jurídica. “Dessa forma, vamos colocar o medicamento com mais rapidez e menor custo, aumentando a chamada eficiência e eficácia do poder público. Com isso, economizar o dinheiro público, garantindo a permanência do medicamento nas unidades de saúde”.

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos, comemorou a iniciativa. “Estamos esperançosos para podermos curar a vida da nossa população. Todos estão de parabéns”.

Também participaram os presidentes Antônio Joaquim (Tribunal de Contas) e Neurilan Fraga (AMM).



Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário