Cuiabá Bom de Bola

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Endereço: Av. André Maggi, 6 - Centro Político Administrativo, Cuiabá - MT, CEP.:78049-901

CÂMARA MUNICIPAL de RONDONÓPOLIS - Presidente Rodrigo da Zaeli (PSDB)

CÂMARA MUNICIPAL de RONDONÓPOLIS - Presidente Rodrigo da Zaeli (PSDB)
Endereço RUA CAFELÂNDIA, 434 Bairro: LA SALLE RONDONÓPOLIS - CEP 78.710-050 - MT

A Assembleia Legislativa do Mato Grosso criou um aplicativo inovador para ajudar os cidadãos MT

CENSO AGRO 2017

CENSO AGRO 2017
"Juntos,vamos colher resultados para o Brasil

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

"Vice-presidente do CMPIR de Cuiabá participa da Tribuna Livre da Câmara e fala sobre a demarcação de Quilombos em MT"

A convite do Vereador Gilberto Figueiredo, o Sr. Pedro Reis de Oliveira, vice-presidente do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Cuiabá - CMPIR ocupou o espaço “Tribuna Livre” da Câmara de Vereadores, na sessão do dia 14/08 para expor como está o processo de demarcação das áreas quilombolas, já regulamentado pelo decreto N° 4.887, de 20/11/2003. No estado de Mato Grosso existem 138 áreas de quilombo, sendo 09 em Cuiabá, e nenhuma dessas áreas tem a sua demarcação regulamentada, pelo contrário, os quilombolas estão sendo despejados de suas terras, e os quilombos estão desaparecendo. As grandes fazendas que fazem divisa com os quilombos acabam invadindo aos poucos, toda a área que pertence legalmente aos negros quilombolas. Essa luta pela terra é muito desleal, as áreas pequenas vêm sendo engolidas pelos poderosos, pelos grandes fazendeiros que prejudicam e maltratam os verdadeiros donos da terra. “Os quilombolas sempre estiveram à frente das grandes realizações acontecidas por todo nosso país e Cuiabá não pode ser diferente. Cuiabá tem história e essa história foi construída pelas mãos dos negros que aqui chegaram e levantaram as primeiras casas. Temos nove áreas de quilombo dentro de Cuiabá e nenhuma dessas áreas possuem a menor referência que ali é uma área quilombola. Estamos em busca de auxílio, dos poderes governamentais, para termos o que de direito é nosso.” Disse o Sr. Pedro Reis denotando uma grande mágoa.

Marcia Vianna
Secretaria de Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário