A MAIOR FEIRA DE MATO GROSSO PARA SUPERMERCADOS, PADARIAS E HOTÉIS.

A MAIOR FEIRA DE MATO GROSSO PARA SUPERMERCADOS, PADARIAS E HOTÉIS.
Av. Historiador Rubens de Mendonça, 2.368 - Sala 104 Bosque da Saúde - Cuiabá-MT - 78050-000 comercial@expovarejo.com.br | Fone: (65) 3057-5200

Iguá Saneamento

Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, nº 158 - Centro - CEP: 78005-906

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

ABAV EXPO 2018 Conecta

ABAV EXPO 2018 Conecta
Av. Olavo Fontoura, 1209 - Portão 1 - Santana, São Paulo - SP E-mail: visit@abavexpo.com.br

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

"Ministério da Educação sinaliza parcerias para reconstrução de escolas municipais"

A intenção do prefeito Emanuel Pinheiro é conquistar um aporte financeiro, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, apresentou nesta quarta-feira (04) ao ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, o planejamento para a implantação de um programa de reconstrução de 96 unidades de ensino municipal. O ato faz parte de uma série de agendas que o gestor tem cumprido nesta semana em Brasília, no intuito de captar recursos para investir em infraestrutura, ações esportivas, e também na área educacional da Capital.A intenção do prefeito é conquistar um aporte financeiro, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), para que o programa já possa contemplar pelo menos 30 unidades. Para isso, Emanuel apresentou um completo diagnóstico da situação dessas 96 escolas, elaborado a partir de um detalhado levantamento feito pela atual gestão. Além disso, também esteve em pauta a instituição de uma parceria para a construção de 28 quadras poliesportivas cobertas, sendo 20 na área urbana e oito na zona rural. Sensibilizado com a atual conjuntura dos educandários apresentados no levantamento, o ministro solicitou o encaminhamento da demanda ao presidente do FNDE, Silvio de Souza Pinheiro, pedindo celeridade no atendimento das questões pleiteadas. O prefeito deixou também adiantado um novo encontro com a equipe técnica do Fundo Nacional, para discutir a inclusão do município no Plano de Ações Articuladas (PAR), visando a construção de novas escolas. “Apresentamos essa análise ao ministro e reivindicamos um apoio do Governo Federal para que consigamos melhorar a qualidade das nossas escolas. Estamos trabalhando para construir uma cidade humaniza e inclusiva para todos. E não tem como pensar nisso sem melhorar a educação, que é base de evolução da sociedade. Vamos universalizar as estruturas das nossas unidades de ensino, permitindo que nossas crianças tenham as condições adequadas para um aprendizado de qualidade”, comentou Emanuel. O ministro também foi convidado para participar da inauguração de dois novos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI), que serão realizadas no fim deste ano, nos bairros Altos da Serra e Residencial Santa Terezinha.
Modernização do ensino
A atuação do chefe do Executivo municipal em Brasília faz parte de uma série de ações que a Prefeitura de Cuiabá já vem desenvolvendo com o objetivo de melhorar a estrutura física da rede de educação municipal e também de oferecer a modernização na metodologia de ensino. Dentro desse plano de avanço, se encontra, por exemplo, o convênio de R$ 13 milhões firmado com a multinacional de tecnologia e informática, Microsoft. Fruto de uma articulação realizada pelo prefeito nos Estados Unidos, a empresa irá repassar o valor ao Município em forma de doação de softwares e o acesso gratuito, para professores e alunos, a diversos programas educacionais da multinacional. Outra importante medida idealizada a partir de parceria com a iniciativa privada é a implantação do programa “Net Escola”, que está contemplando 82 escolas municipais com pontos de acesso à internet WI-FI banda larga e TV a cabo com sinal HD ou digital. O programa é executado contando com a cloaboração das empresas NET, Claro e Embratel, gerando custo zero para os cofres públicos e beneficiando cerca de 25 mil alunos.
BRUNO VICENTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário