Mato Grosso Previdência

Mato Grosso Previdência
Av. Dr. Helio Ribeiro, 487, Edifício Concorde - Térreo Bairro: Residencial Paiaguás CEP 78048-250 - Cuiabá - MT Telefone Geral: (65) 3363.5300 Disque Servidor: 0800 647 3633

CÂMARA MUNICIPAL DE NOVA MUTUM

CÂMARA MUNICIPAL DE NOVA MUTUM
Horário de atendimendo: Manhã: das 08:00 ás 11:00 Tarde: das 13:00 ás 17:00 Telefone: (65) 3308-6000 Ouvidoria: 0800 647 6022

Cuiabá Humanizada

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

"Inauguração da Casa Lar V marca municipalização no acolhimento de adolescentes"

Mais uma casa de acolhimento de adolescente em situação de vulnerabilidade social foi inaugurada na manhã desta quinta-feira (31) no distrito de Barreiro Branco, em Cuiabá. A Prefeitura de Cuiabá vai repassar mensalmente R$ 40 mil para manutenção da Casa Lar V, que conta com a parceria da Associação Resgatando a Cidadania, Arquidiocese de Cuiabá e o Ministério Público Estadual. A Casa Lar V, localizada num espaço de dois hectares, vai atender adolescentes de 12 a 15 anos do sexo masculino. Neste primeiro momento, 10 meninos serão atendidos.
De acordo com o secretário municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, Wilton Coelho, esta é a segunda Casa entregue ao público, nesta gestão, cumprindo o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que neste mês completou 27 anos.

“Essa gestão tem se preocupado com este público e, por isso, estamos cumprindo esta ação. Recentemente inauguramos a Casa Cuiabana IV- Caminhos Redentor, no bairro Pedra 90, para crianças neuropatas e está sendo muito bem tocada. Agora temos que estudar a melhor maneira de utilizar esse espaço e otimizar o presente para construímos um futuro melhor”, explica o secretário.

Os 10 adolescentes que serão encaminhados para essa nova Casa estavam no Lar da Criança. Diferente das outras casas, a retirada deles é fruto de uma institucionalização promovida pelo Poder Judiciário para destinar a responsabilidade de cada município no cuidado e proteção de suas crianças, já que o Lar da Criança, sob a responsabilidade do Estado, recebia crianças de todos os municípios. Até dezembro, o município de Cuiabá terá a incumbência de cuidar de todas suas crianças de 0 a 15 anos, que se encontravam em situação de rua ou de risco.

“Vejo que trabalhar para criança é trabalhar pelo futuro. Estamos muito felizes em presenciar essas parcerias, envolvendo inclusive instituições religiosas. Estou aqui, representando o prefeito Emanuel Pinheiro, para reforçar o compromisso com a criança e a intenção de celebrar parcerias que avancem na dignidade da pessoa humana”, afirma o secretário municipal de Governo, Carlos Roberto da Costa.

Segundo o presidente da Associação Resgatando a Cidadania, Lucilo Libânio de Souza, o projeto “Nossa Casa” propiciará um ambiente familiar aos adolescentes, além de uma moradia digna, melhoria na qualidade de vida por meio de formação profissional e atividades extracurriculares desenvolvidas por pedagogos e psicólogos. Outra grande preocupação é oferecer contato com a natureza.

“Esses adolescentes ficam provisoriamente aqui para depois serem reintegrados para a própria família. Por ser adolescentes, é muito difícil a adoção. É importante dizer que aqui é só uma passagem, o que tentamos fazer é o seu empoderamento para terem autonomia e levar a vida adiante”, disse o promotor de Defesa da Infância e Juventude de Cuiabá, José Antônio Borges.

ANDRESSA SALES
Gustavo Duarte

Nenhum comentário:

Postar um comentário