CÂMARA MUNICIPAL de RONDONÓPOLIS - Presidente Rodrigo da Zaeli (PSDB)

CÂMARA MUNICIPAL de RONDONÓPOLIS - Presidente Rodrigo da Zaeli (PSDB)
Endereço RUA CAFELÂNDIA, 434 Bairro: LA SALLE RONDONÓPOLIS - CEP 78.710-050 - MT

A Assembleia Legislativa do Mato Grosso criou um aplicativo inovador para ajudar os cidadãos MT

Prefeitura de Cuiabá - Mutirão da Conciliação Fiscal

domingo, 24 de setembro de 2017

"UNEMAT: Reitora e coordenador agradecem Wancley por emenda de R$ 200 mil para Unemat de Pontes e Lacerda"

Parlamentar encaminhou emenda e doou projeto que vai viabilizar a construção de novo bloco com duas salas de aula. O campus da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), em Pontes e Lacerda, ganhará em breve novo bloco de salas de aula. O deputado Wancley Carvalho (PV) doou o projeto para construção e destinou R$ 200 mil em emenda parlamentar para execução das obras. Em visita ao campus na terça-feira (19), o parlamentar se reuniu com a reitora da instituição, Ana Maria Di Renzo, diretor regional do campus, Eurico Lucas Neto e demais servidores. “O Wancley tem cuidado bastante do nosso campus e região. Temos dificuldade de espaço, e essa emenda é muito bem vinda; vamos ampliar a quantidade de salas de aula noturna, já que temos bastante dificuldades de espaço”, pontuou Di Renzo ao destacar a possibilidade de abertura de novos cursos. O recurso é oriundo da secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec), e já está disponível. A empresa ganhadora foi definida em agosto, após licitação. Os serviços para construção de duas salas de aula iniciam em breve. “A Unemat é de extrema importância para nossa região; além de destinar a emenda, também doei o projeto necessário para viabilizar as obras. A ordem de serviço será dada em breve. E, para o ano que vem, junto com a coordenação, estamos definindo novos investimentos para o campus. Agradeço ao Governo do Estado pela liberação dos recursos”, finalizou Wancley. Laboratório – Durante a reunião, Eurico explanou a necessidade de reativação do laboratório de solos do campus que, por falta de funcionários, está fechado há três anos. “O laboratório é uma ferramenta importante para atividade agropecuária. A universidade tem papel de ensino, pesquisa e extensão; a reativação propiciará mais informações para os produtores desenvolver as atividades”, destacou o diretor. Na reunião, ficou definida a possibilidade da reativação do laboratório por meio de parceria com o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Socioeconômico e Ambiental do Vale do Guaporé, na ocasião representado pelo presidente e prefeito de Pontes e Lacerda, Alcino Barcelos. Na pauta também foram tratados a questão do transporte dos alunos e técnicos e implantação do curso de agronomia no campus.
EDUARDO CARDOSO
(Foto: Adriano Monezi)

Nenhum comentário:

Postar um comentário