Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

MRV ENGENHARIA

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, nº 158 - Centro - CEP: 78005-906

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

ABAV EXPO 2018 Conecta

ABAV EXPO 2018 Conecta
Av. Olavo Fontoura, 1209 - Portão 1 - Santana, São Paulo - SP E-mail: visit@abavexpo.com.br

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

"INFRAESTRUTURA:Sebastião Rezende encaminha pleito dos assentados da região da Serra de São Vicente"

As obras na BR-364 fazem parte do projeto de duplicação do trecho entre Jaciara e Serra de São Vicente, contemplando 71,6 quilômetros de extensão. O deputado estadual Sebastião Rezende (PSC) se reuniu com líderes dos assentamentos Santo Antônio da Fartura, Mata-Mata, Córrego do Ouro e Bigorna, região da Serra de São Vicente. Ao superintendente do DNIT, Orlando Fanaia, foi solicitada a construção de um retorno na pista duplicada da BR-364, nas imediações da Escola Técnica São Vicente. Da forma que a obra foi executada, hoje, os pequenos produtores que abastecem de hortifrutigranjeiros em Cuiabá e região sudeste do estado, alegam que precisam andar aproximadamente 4 quilômetros para ter acesso à rotatória mais próxima- que dá acesso aos municípios de Jaciara ou Rondonópolis. Segundo Rezende, são mais de 500 famílias que estão sendo prejudicadas com a falta de um retorno mais próximo de onde estão assentados e que serão beneficiadas caso o novo acesso seja construído. Ao fim do acordo, o parlamentar explicou que o DNIT se comprometeu em acionar a empresa responsável pela duplicação da rodovia no trecho salientado, para verificar o que pode ser feito para atender ao anseio dos assentados, considerando que as obras estão em fase final . Os líderes discutiram ainda sobre a necessidade de se fazer um estudo de viabilidade da alteração, para que, dentro de 30 dias, seja emitida uma posição aos assentados. As obras na BR-364 fazem parte do projeto de duplicação do trecho entre Jaciara e Serra de São Vicente, contemplando 71,6 quilômetros de extensão.
Por ASSESSORIA DE GABINETE
(Foto: Angelo Varela/ALMT)

Nenhum comentário:

Postar um comentário