Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

ANUNCIE AQUI!

ANUNCIE AQUI!
SUA EMPRESA COM MAIS VISIBILIDADE E VENDA

Conecte na ALMT

AJUDE ESTA CAUSA

AJUDE ESTA CAUSA
SANTA CASA DE CUIABÁ | (65) 3051-1946

Prefeitura Municipal de Rondonópolis

Prefeitura Municipal de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411-3500

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

"Rio Cuiabá pede socorro"

Com tristeza, li a notícia de freezers com toneladas de pescado encontrados, em plena piracema, entre Santo Antonio do Leverger e Barão do Melgaço. Congratulo-me com a ação dos agentes do Estado, porém imagino ser apenas uma parcela do que ocorre por lá. Nossos cursos d'água são atacados de forma inconsequente e até infame, diariamente. Lenine de Campos Póvoas, historiador, autor de história Geral do Mato Grosso, disse: "se não houvesse o Rio Cuiabá, a tentativa de povoar a região teria resultado em desastre". Os Bandeirantes utilizavam as vias fluviais na busca de escravos e ouro. Em 1722, Miguel Sutil encontrou a maior jazida do mundo. Garantia-se, com isso o povoamento da região, estendendo-se da Prainha para o Coxipó. Paralelamente, as enchentes fertilizavam as terras. Nasciam os engenhos de açúcar e a criação de gado.
O Rio Cuiabá já perdeu 19 afluentes e tornou-se esgoto natural. E na medida que a população aumenta, o volume de água diminui e os ribeirinhos ignoram as leis. A UFMT concluiu um estudo com a pergunta: "Haverá àgua para tanta gente?"
Quando fui vereador propus uma lei proibindo o descarte de qualquer
lixo em vias públicas, inclusive papel e cigarro, gerando multa aos infratores.
Pois toda essa sujeira jogada pela população, desembocará no rio ou em seus afluentes. Sem dúvida, essa e outras medidas devem ser melhor ativadas.
Queremos um rio Tietê de São Paulo aqui? Há décadas de tentativas de desassoreamento e despoluição, mas
com pálidos resultados.
Opino como urgente uma campanha de conscientização popular e rigor na fiscalização da preservação do ambiente. Os habitantes devem zelar por sua própria sobrevivência e denunciar os infratores.
Salvem os rios! Salvem a todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário