SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI
Av. Isaac Póvoas, 927, Bairro Goiabeiras

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT

Loja Oficial - Casa Prado

Loja Oficial - Casa Prado
Camisetas, Polos, Calças, Bermudas, Sapatos e Acessórios de Qualidade na Casa Prado!

sábado, 8 de fevereiro de 2020

"EMBRATUR E FLÁVIO BOLSONARO LUTAM PELA ATRAÇÃO DE TURISTAS PARA O RIO DE JANEIRO"

O diretor-presidente da Embratur, Gilson Machado, e o senador Flávio Bolsonaro estiveram reunidos no dia (6), em Brasília, para debater sobre a importância do setor de cruzeiros marítimos para alavancar o turismo. Na ocasião, o senador Flávio Bolsonaro (Sem partido-RJ) afirmou que irá apresentar projetos no Congresso Nacional para viabilizar a vinda de cruzeiros para as cidades brasileiras, em especial o Rio de Janeiro. De acordo com o senador, por intermédio da Embratur, o Brasil recebe demandas de empresas internacionais do setor para que sejam destravados gargalos que impedem a operação no país. “Eu sou testemunha ocular de todo o esforço do presidente Gilson, de todo o seu empenho e competência para alavancar o turismo do nosso Brasil e, em especial, o do Rio de Janeiro. Queremos que as cidades do Brasil possam ser mais visitadas pelos cruzeiros. Hoje, há um grande impeditivo que praticamente inviabilizam a operação desses grandes navios. Além disso, eles atracam, praticamente, em apenas um destino turístico brasileiro e acabam fazendo abastecimento ou o passeio em cidades de países vizinhos, como Montevideo e Buenos Aires, ao invés de irem para Rio de Janeiro, Santos, Salvador, Recife, Fernando de Noronha, entre outras”, disse Flávio Bolsonaro.
Ele informou, ainda, que “muito em breve isso será apresentado no Congresso Nacional, mais um Projeto de Lei que irá trazer de volta todas essas centenas de milhares de turistas de cruzeiros que perdemos devido a nossa burocracia e dos altos impostos”.
O diretor-presidente da Embratur reforçou e parabenizou o senador pelo esforço na aprovação, no final do ano passado, do Projeto de Decreto Legislativo que tratou da assinatura do tratado internacional da OIT (Organização Internacional do Trabalho), que aborda sobre legislação trabalhista marítima. “Nós agora temos uma legislação que vai favorecer as grandes empresas de cruzeiros a contratarem brasileiros para trabalharem e tornar um país mais atrativo para este segmento”, destacou Gilson Machado. O senador Flávio Bolsonaro foi o relator do projeto.
Além disso, Machado falou da importância de dar continuidade à agenda estabelecida nos Estados Unidos para capitanear empresas de cruzeiros do país norte-americano para operar no Brasil. O senador fez parte da comitiva presidida pelo diretor-presidente da Embratur, que focou em visitar companhias do setor para realizar roteiros especialmente na cidade do Rio de Janeiro.
“O Rio de Janeiro, sempre em pauta conosco, é um dos destinos prioritários para o Brasil, por ser uma importante porta de entrada dos turistas estrangeiros no nosso país. Estamos unindo esforços para fomentar o turismo da capital carioca, por meio também de cruzeiros marítimos e para facilitar a contratação de mão de obra para os navios que vem de fora”, afirmou o presidente da Embratur. “Temos a maior vocação do mundo para cruzeiros marítimos. Fomos nos EUA e, quando chegamos lá, no painel da empresa que visitamos, um dos lugares mais propícios para receber cruzeiros e que aparece sempre em destaque é o Brasil”, reforçou.
Assessoria/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos