SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI
Av. Isaac Póvoas, 927, Bairro Goiabeiras

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

domingo, 19 de julho de 2020

"Depois de entregar 40 novos leitos, Cuiabá zera a fila de UTI para pacientes confirmados com COVID-19"

Todos os pacientes que ainda estavam na fila na manhã desta sexta-feira já foram transferidos para o Hospital de Referência. Após algumas semanas sem leitos de UTI para com COVID-19, a capital mato-grossense zerou a fila de espera às 16:30 desta sexta-feira, 17. Com a entrega de 20 leitos na última segunda-feira (13) no Hospital de Referência, e outros 20 hoje, todos os pacientes confirmados com COVID-19 que precisavam de UTI foram transferidos para os novos leitos.De acordo com informações da Central de Regulação,
na manhã desta sexta-feira, quatro pacientes de Cuiabá e cinco de outras cidades aguardavam leitos de UTI. “É com muita felicidade que informo que todos estes pacientes já foram transferidos para o Hospital de Referência e já estão recebendo todo o suporte necessário. A nossa equipe médica não está medindo esforços para salvar estes pacientes que neste momento estão lutando por suas vidas. Aproveito para agradecer mais uma vez o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, que foi o responsável por conseguir a doação dos 40 respiradores junto ao Ministério da Saúde”, comentou o prefeito.
Segundo a coordenadora da Central de Regulação, Elaine Souza, a fila de UTI oscila bastante, ou seja, é possível que em breve a fila volte a ter pacientes. O censo dos hospitais é realizado três vezes ao dia, então os números podem mudar em questão de horas. “Esperamos que não aconteça, mas pode ser que algum paciente que esteja em enfermaria rebaixe e precise de UTI. O importante é que agora temos leitos disponíveis e esperamos que esses leitos atendam à demanda que possamos vir a ter”, comentou.
Atualmente, a rede municipal de saúde de Cuiabá conta com 135 leitos exclusivos para Covid-19, o que representa 45% do total de leitos de UTI para Covid-19 na rede pública de Mato Grosso. Desses 135 leitos, 95 estão no Hospital Referência, sendo 80 adultos e 15 pediátricos e 40 no Hospital São Benedito.
Assessoria/Caminho Político
Caminho Politico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos