TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19

TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

MPF em Cuiabá

MPF em Cuiabá
Av. Miguel Sutil, nº 1.120, Esquina Rua J. Márcio (R. Nestelaus Devuisky) Bairro Jardim Primavera

quarta-feira, 1 de julho de 2020

"Proposta determina divulgação dos resultados de todos os testes de Covid-19 no País"

Ordem do dia para deliberação de vetos. Dep. Paula Belmonte (CIDADANIA - DF)Ideia é calcular qual a quantidade de exames realizados diariamente e qual a porcentagem de resultados positivos e negativos.O Projeto de Lei 3543/20 determina que, na pandemia, os entes federativos enviem quinzenalmente ao Ministério da Saúde todos os resultados dos testes de diagnóstico do novo coronavírus realizados na rede pública. O Congresso Nacional reconheceu estado de calamidade pública no País devido à Covid-19, válido até dezembro. Conforme o texto em tramitação na Câmara dos Deputados, as
informações devem incluir nome completo e CPF do paciente, além da data e do local da realização do exame. O Ministério da Saúde deverá disponibilizar as informações em sua página na internet, mas de forma a não permitir a identificação do paciente.
“A proposta permitirá calcular qual a quantidade de exames realizados diariamente e qual a porcentagem de resultados positivos e negativos, sem a contagem de duplicações”, afirma a autora da proposta, deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF). “Além disso, será possível fiscalizar o uso de recursos financeiros com os exames”, continuou.
Resultados negativos
Segundo a deputada, atualmente o Ministério da Saúde cobra apenas a notificação dos casos suspeitos (síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave) e confirmados de Covid-19. Sem os resultados negativos, disse, não é possível identificar a proporção da população total ou de grupos específicos (por exemplo, os de risco) que foi testada.
Em 23 de junho, o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, anunciou mudança na estratégia de combate à Covid-19. O objetivo é testar 24% da população (cerca de 50 milhões de pessoas), metade com os exames rápidos, que indicam eventual contato com o vírus; e metade com os moleculares, que detectam o vírus no organismo.
Reportagem – Ralph Machado
Edição –  Régis Oliveira
Foto: Pablo Valadares
Caminho Político
Caminho Politico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos