DIRETO DA VENEZUELA

DIRETO DA VENEZUELA
Tweets por ‎@infoenlaceweb INSTAGRAM @INFOENLACEWEB

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Endereço: Av. André Maggi, 6 - Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

sábado, 5 de setembro de 2020

"PT define hoje a data de sua convenção para disputa ao Senado"

Valdir Barranco será o candidato do partido e deve ter apoio do PCdoB. O Partido dos Trabalhadores (PT) continua buscando o apoio de outras siglas de esquerda à candidatura do atual deputado estadual Valdir Barranco, presidente da partido em Mato Grosso, à vaga de senador deixada pela ex-juíza Selma Arruda, cassada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em novembro do ano passado, sob acusação de Caixa 2 e abuso de poder econômico na disputa eleitoral de 2018. Segundo o pré-candidato, no momento há maior proximidade com o PCdoB e o Rede Sustentabilidade.
“Estamos conversando com diversos partidos para que possamos formar uma chapa forte, de esquerda, para disputar esta vaga. Há a possibilidade de fecharmos com o PCdoB tendo a ex-reitora da UFMT, professora Maria Lúcia, como primeira suplente, e com a Rede para segunda suplência. Mas, ainda não há nada definido”, explicou o pré-candidato.
A eleição suplementar está marcada para 15 de novembro, mesma data das eleições municipais para vereadores e prefeitos. É o que determina a Emenda Constitucional 107/2020 que marcou o dia 16 de setembro como data limite para realização das convenções partidárias.
“A executiva estadual do PT se reúne hoje (4) para definir a data da nossa convenção e seus critérios. Será uma convenção remota, via internet, e deve contar com partição do presidente Lula que trará muita força e apoio à nossa campanha. Teremos uma chapa forte construída com a participação popular, com apoio ou não de outros partidos. Estou certo de que desta vez Mato Grosso terá no Senado um representante do povo e não mais do agronegócio”, disse Barranco.
Barranco vai se licenciar de suas funções na Assembleia Legislativa no dia 30 de setembro e só deve retornar ao parlamento, caso não vença as eleições, em 1º de dezembro. Em seu lugar assume o professor Henrique Lopes (PT), que em 2018 obteve 18.300 votos ficando na primeira suplência do parlamentar.
“Henrique é professor, já foi presidente do Sinterp-MT (sindicato da categoria) e atualmente preside a CUT-MT. Um político muito bem preparado e legitimado nas urnas para assumir este lugar na Assembleia. Desejo boa sorte a nós dois: a ele como deputado estadual e a mim na disputa ao Senado. Hoje, sou pré-candidato, amanhã Senador da República”, concluiu.
Robson Fraga/Caminho Político
Caminho Politico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos