TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19

TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

MPF em Cuiabá

MPF em Cuiabá
Av. Miguel Sutil, nº 1.120, Esquina Rua J. Márcio (R. Nestelaus Devuisky) Bairro Jardim Primavera

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

terça-feira, 24 de novembro de 2020

TECNOLOGIA AVANÇADA: Max Russi destaca alinhamento entre preservação e industrialização em ‘Mais MT Meio Ambiente

“Essa modernização é um marco para Mato Grosso e um exemplo a ser seguido no âmbito nacional, uma vez que o meio ambiente é preservado e monitorado com precisão”, observou Max.
No lançamento do programa ‘Mais MT Meio Ambiente’, no Palácio Paiaguás, na tarde desta segunda-feira (23), o primeiro-secretário da Assembleia, deputado Max Russi (PSB), destacou a importância do alinhamento entre a preservação ambiental e a industrialização em Mato Grosso. O novo sistema assegura modernização e desburocratizar da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA), por meio da Licença Por Adesão e Compromisso (LAC), Licença Ambiental Simplificada (LAS) e automatização das cobranças das taxas a autuação.
“Essa modernização é um marco para Mato Grosso e um exemplo a ser seguido no âmbito nacional, uma vez que o meio ambiente é preservado e monitorado com precisão. Através dessa ferramenta será possível dar mais celeridade a centenas de processos ambientais que estão parados, por exemplo. Através dessa ferramenta, muitas atividades econômicas irão obter suas licenças sem demora e sem burocracia. Além de impulsionar a economia do estado, vai atrair novos investidores”, destacou o primeiro-secretário da Casa de Leis.
De acordo com o governador Mauro Mendes (DEM), com o novo sistema, a emissão de licenças será muito mais rápida e a partir dessa terça (24), o sistema estará no ar, permitindo que o cidadão de qualquer parte do Estado possa pedir estas licenças no menor espaço de tempo possível.
“O prazo máximo é de 30 dias, mas nós acreditamos que em 10 dias essas licenças possam ser emitidas, o que é um recorde absoluto, talvez até nacional, em termos de licenciamento, com segurança e transparência. Agradeço muito ao empenho dos nossos servidores e também aos nossos parceiros do Ministério Público e da Assembleia Legislativa por essa conquista”, completou.
A Licença Ambiental Simplificada (LAS), pode ser feita digitalmente, pelo sistema e-SAC disponível no portal da SEMA. Assim como a Licença por Adesão e Compromisso (LAC), totalmente online e com emissão automática, por meio do SIGA (Sistema Integrado de Gestão Ambiental), disponível no site da SEMA.
Outra novidade é que a SEMA vai disponibilizar dentro do portal SIGA o módulo de emissão de taxas. O usuário irá selecionar o tipo de licenciamento que deseja solicitar e pelo módulo de emissão de taxas poderá emitir de onde estiver sem precisar requerer estas taxas na Sema.
Com Assessoria/Caminho Político
@CaminhoPolitico #caminhopolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos