SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

quinta-feira, 24 de dezembro de 2020

Deputado Dr Leonardo assume coordenação política do GT em Alimentação e Saúde da FPA

A primeira reunião do grupo de trabalho se deu nesta terça-feira (22), e contou com participação de entidades que compõem o Instituto Pensar Agro; foram apresentadas ao parlamentar as prioridades do setor.
Em seu segundo mandato como Diretor da Frente Parlamentar da Agropecuária, considerada a maior e uma das mais importantes do Congresso, o deputado federal Dr. Leonardo participou, nesta terça-feira (22), de reunião com representantes de entidades que compõem o Instituto Pensar Agro. O objetivo foi definir as diretrizes do Grupo de Trabalho sobre Alimentação e Saúde, cuja coordenação política ficará a cargo do parlamentar. Participaram ainda da reunião Marcelo Martins, da Associação Brasileira de Laticínios Viva Lácteos; Marcio Maciel, da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA); Giuseppe Lobo, da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (ABIOVE), e Eduardo Leão, da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA).
O grupo deverá tratar de temas ligados a qualidade da produção, nutrição e assuntos regulatórios. Durante a reunião foram apresentadas 10 prioridades para serem analisadas pelo GT ao longo do próximo ano, entre elas: atualização do Guia Alimentar do Ministério da Saúde; regulamentação do FNDE para compra de merenda escolar; tramitação de aumento de tributação a grupos alimentares específicos; entre outras. Marcelo Martins, da Viva Lácteos, destacou a importância do grupo para o fortalecimento da produção de alimentos. “Nossa produção é uma das mais reguladas do mundo, por isso exportamos para mais de 180 países”, afirmou.
Eduardo Leão, representante do setor sucroalcooleiro, avaliou que o grupo tem muito trabalho pela frente. "Temos bastante pauta para ser discutidas nas próximas reuniões”, destacou. Já Márcio Maciel, da ABIA, lembrou que "60% da produção brasileira passa pela indústria, tem algum nível de processamento. Por isso trabalhamos para deixar o agro cada vez mais forte”, afirmou Maciel.
O deputado Dr. Leonardo avaliou as pautas como extremamente relevantes, mas destacou que faltam estudos e pesquisa e também informação para a sociedade poder avaliar devidamente a questão da segurança dos alimentos. “Como diretor da Frente Parlamentar da Agricultura e como médico, este são temas que me são muito caros e por isso é uma honra assumir essa coordenação. Sabemos da importância da boa alimentação para a saúde da nossa população e por isso queremos chamar esse assunto para pauta de discussão do Congresso”, afirmou Dr. Leonardo.
O parlamentar ressaltou ainda a importância de trazer à luz estudos e pesquisas que balizem a indicação ou não dos produtos processados pela indústria de alimentos. ”Alguns assuntos são bem polêmicos. Precisamos fazer bom uso da ciência, da tecnologia e de estudos técnicos. E estamos prontos para fazer essa agenda positiva para a agropecuária brasileira”, completou o parlamentar.
Assessoria/Caminho Político
Fanpage - Facebook: Dr Leonardo
Instagram: @Drleonardomt
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos