SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

Secretaria Municipal de Saúde divulga o 35º Informe Epidemiológico sobre a COVID-19

Semanalmente a
Secretaria de Saúde de Cuiabá, com apoio de pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso publica o Informe Epidemiológico sobre a COVID-19, com o objetivo de monitorar o padrão de morbidade e mortalidade e descrever as características clínicas e epidemiológicas dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave - SRAG - pelo SARS-Cov-2 em residentes no município de Cuiabá. Neste informe apresentamos as informações desde a data da notificação do primeiro caso em Cuiabá até a 48ª Semana Epidemiológica (SE), compreendendo o período de 14 de março a 28 de novembro de 2020. Os dados referentes ao número de casos de COVID-19 são registrados no sistema considerando a data de notificação. Desta forma, o número de casos é atualizado diariamente e, portanto, algumas diferenças quanto ao número de casos e indicadores advindos desses poderão ser notadas quando comparado com os informes publicados em semanas anteriores.
Destaques da Semana Epidemiológica 48 – 22 a 28 de novembro
Até 28 de novembro:
- 34.908 casos de COVID-19 de residentes em Cuiabá, 94% recuperados e 1.083 mortes.
- Cerca de 30% dos casos, 60% dos indivíduos internados e 75% dos óbitos por COVID-19 referiram presença de comorbidades, destacando-se hipertensão, diabetes e doenças cardiovasculares.
- O risco de infecção é maior em pessoas de cor/raça negra.
- De 18/julho a 28/novembro a taxa de incidência de COVID-19 em idosos aumentou cerca de 337% enquanto em crianças o aumento foi de 534% e em adolescentes 751%.
- Risco de internação se eleva com a idade, sendo maior no sexo masculino, exceto na faixa etária de 20 a 29 anos.
- Tendência crescente do risco de morte com aumento da idade; e um risco cerca de duas vezes maior para o sexo masculino comparado ao feminino, exceto para o grupo de 20 a 29 anos em que o risco é maior no sexo feminino.
Na última semana:
- 261 casos notificados de COVID-19 notificados e oito óbitos.
- Redução do número casos e óbitos semanais.
- Redução do valor de Rt (0,71). Exceto pelo Rt estimado (1,33) na semana (SE 47), os valores de Rt se mantém inferior a 1,0 desde a SE 27 (28 de junho a 04 de julho).
Assessoria/Caminho Político
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos