DIRETO DA VENEZUELA

DIRETO DA VENEZUELA
Tweets por ‎@infoenlaceweb INSTAGRAM @INFOENLACEWEB

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Endereço: Av. André Maggi, 6 - Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

sexta-feira, 19 de março de 2021

CORONAVÍRUS: França inicia novo lockdown para evitar terceira onda de covid-19

Medida afeta um terço dos habitantes do país, inclusive os de Paris, e ficará em vigor por pelo menos quatro semanas. Apenas comércio essencial pode funcionar, mas escolas e creches permanecem abertas. A França inicia nesta sexta-feira (19/03) um novo lockdown em diversas regiões do país para tentar conter o avanço da covid-19 e evitar um colapso em hospitais diante dos temores de uma terceira onda da pandemia. O confinamento foi decretado em 16 departamentos do país, incluindo a região metropolitana de Paris.
A medida afetará cerca de 21 milhões dos 67 milhões de habitantes do país. O novo lockdown fica em vigor por pelo menos quatro semanas – período mínimo que o governo considera necessário para conter a transmissão avançada do coronavírus, que atinge principalmente o norte do país.
"A progressão da pandemia se acelera notavelmente", afirmou em entrevista coletiva o primeiro-ministro francês, Jean Castex, ao anunciar o novo lockdown na quinta-feira.
Ao justificar a decisão, Castex explicou que "chegou o momento de tomar medidas mais exigentes" em meio à forte progressão da pandemia nesses lugares e afirmou que uma terceira onda parece cada vez mais provável no país.
As novas restrições, no entanto, não serão tão rígidas quanto o lockdown anterior. Segundo o premiê, o objetivo é buscar uma "terceira via", sem um confinamento total, acrescentou.
Toque de recolher flexibilizado
Com o lockdown, os moradores ficam proibidos de viajar para outras regiões do país. Eles poderão, porém, sair de casa para praticar exercícios ao ar livre durante o dia a uma distância limite de dez quilômetros. O atual toque de recolher será mantido mas flexibilizado em todo o país e vai começar uma hora mais tarde, 19h, a partir de sábado, para terminar 6h.
Já o comércio não essencial deve permanecer fechado nas regiões atingidas. Escolas e creches seguem, no entanto, funcionando normalmente.
A região de Paris é atualmente o epicentro da epidemia na França, com uma taxa de incidência de 446 casos por 100 mil habitantes em sete dias, o que representa um aumento de 23% em uma semana.
De acordo com o ministro francês de Saúde, Olivier Verán, cerca de 1.200 pacientes estão internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) na capital, um número maior do que o pico da segunda onda, em novembro.
A França registrou mais de 4,1 milhões de casos de covid-19 e a doença já deixou mais de 91 mil mortos no país. Nesta sexta-feira, foram registradas quase 35 mil novas infecções em 24 horas.
cn/lf (EFE, Lusa, AP, DPA, ots)cp
@caminhopolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos