PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
Prefeitura publica novo decreto e mantém fiscalização rígida contra pandemia Várzea Grande vacina Guarda Municipal e forças de segurança e vai abrir cadastro para idosos acima de 60 anos Várzea Grande e Assembleia Legislativa vão abrir novos pontos de vacinação Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

HOSPITAL H•BENTO

HOSPITAL H•BENTO
Av. Dom Aquino, 355 • Centro, 78015-200 • Cuiabá - MT

VI SIMPÓSIO SOBRE DISLEXIA DE MATO GROSSO – 2021 - MINICURSOS

VI SIMPÓSIO SOBRE DISLEXIA DE MATO GROSSO – 2021 - MINICURSOS
PLATAFORMA EAD DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO Cuiabá - MT.

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

segunda-feira, 29 de março de 2021

SAÚDE PÚBLICA: Deputado propõe programa de telemedicina às gestantes de MT

Proposta é preservar mulheres grávidas do risco de infecção pela Covid-19 enquanto vigorar a pandemia.
O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) é o autor do projeto de lei (PL 202/2021) que autoriza o governador Mauro Mendes (DEM) criar o programa de telemedicina para mulheres gestantes em Mato Grosso enquanto vigorar a pandemia do coronavírus (Covid-19). Pela proposta protocolada no dia 23 deste mês na Assembleia Legislativa, a Secretaria de Saúde deverá oferecer atendimento online com especialistas em ginecologia e obstetrícia as mulheres gestantes. A ideia é reduzir o trânsito de pessoas e também o risco de contágio da Covid-19 em unidades de saúde. Para oferecer o serviço e cumprir as metas, a Secretaria de Estado de Saúde poderá firmar parcerias com a iniciativa privada visando obter uma plataforma digital a custo baixo, para que os profissionais de saúde, que cuidam da saúde da mulher gestante, tenham instrumento adequado à realização de atendimentos de rotina de forma remota.
O deputado Wilson Santos ressalta que o projeto pode ser perfeitamente viabilizado pelo poder executivo com recursos vindos de repasses para abastecimento do Sistema Único de Saúde (SUS).
“A proposta do Programa de Telemedicina para Mulheres Gestantes será uma ferramenta de controle do risco de infecção da COVID-19 para este grupo populacional vulnerável e um método a ser aplicado para reduzir o trânsito de pessoas nas unidades básicas de saúde do Estado de Mato Grosso”, conclui o parlamentar.
Assessoria/Caminho Político
Foto: Angelo Varela/ALMT
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos