PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
Prefeitura publica novo decreto e mantém fiscalização rígida contra pandemia Várzea Grande vacina Guarda Municipal e forças de segurança e vai abrir cadastro para idosos acima de 60 anos Várzea Grande e Assembleia Legislativa vão abrir novos pontos de vacinação Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

HOSPITAL H•BENTO

HOSPITAL H•BENTO
Av. Dom Aquino, 355 • Centro, 78015-200 • Cuiabá - MT

Hospital Estadual Santa Casa

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

quinta-feira, 27 de maio de 2021

Emanuel Pinheiro Neto comemora avanço do plebiscito do VLT em Cuiabá

O deputado federal Emanuel Pinheiro Neto (PTB-MT) parabenizou a Câmara de Vereadores de Cuiabá pela aprovação da proposta que convoca um plebiscito sobre a implantação do VLT ou BRT na capital. Aprovado em regime de urgência, o projeto permite que a população decida sobre a escolha do modal, que foi anunciada pelo governo abruptamente no início do ano.
Emanuel foi ao plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília, e destacou a importância de envolver a sociedade no debate. “Numa democracia moderna, nenhum governo pode tomar ou se valer de decisões autoritárias, unilaterais e que ponham o povo à margem das discussões sobre políticas públicas tão importantes, como a de um modal de transporte que vai garantir a qualidade na mobilidade urbana da capital”, disse.
O parlamentar criticou a demora do governo e a forma como a mudança do modal foi anunciada, considerando a complexidade da obra e todo o recurso já investido para a entrega do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que na nova decisão, passaria a ser Ônibus de Trânsito Rápido (BRT).
No dia 21 de maio, o poder judiciário negou o pedido do governo que pedia o bloqueio de cerca de R$900 milhões em bens adquiridos, por parte das empresas responsáveis pelos 54 veículos, trilhos e estruturas paradas da obra.
“Eu mesmo estive em reuniões com os órgãos competentes que me garantiram que essa mudança era descabida, assim como a ideia de vender os trilhos e vagões já adquiridos. Ou seja, sempre houve informação contraditória com o governo anunciando obras e ações que nunca entregou”, completou Emanuel Pinheiro Neto.
O plebiscito foi sugerido pelo parlamentar em audiência pública em fevereiro deste ano, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, mas somente agora a proposta ganhou força com a aprovações dos vereadores na capital cuiabana.
“Parabenizo aos vereadores porque eles entenderam que o plebiscito não é uma oposição ao governo. Na verdade é um alinhamento com a democracia, ouvindo quem realmente vai utilizar o transporte público e vai dizer o que é melhor para a sua vida”, concluiu.
Confira o discurso de Emanuel Pinheiro Neto na íntegra:
https://youtu.be/tI0jmcKXRlU
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos