Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Baronês Cuiabá

Baronês Cuiabá
O cardápio mais nobre de Cuiabá.

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, Cuiabá, 78005-906

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

quarta-feira, 15 de dezembro de 2021

RECURSOS: Claudinei solicita informações da aplicação de recursos federais na segurança pública de MT

O parlamentar apresentou requerimento para que Alexandre Bustamante esclareça o uso dos recursos federais no valor de R$ 72 milhões.
O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) apresentou requerimento, nesta terça-feira (14), para que a mesa diretora da Assembleia Legislativa providencie a convocação do secretário de Estado de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp), Alexandre Bustamante, para que forneça informações e esclarecimentos sobre as aplicações dos recursos federais, entre os anos de 2019 a 2021, para serem investidos na segurança pública. Nesse período, foram acumulados o valor total de cerca de R$ 72 milhões destinados pela esfera federal.
Na matéria é proposto que a reunião seja feita de forma pessoal, no dia 9 de fevereiro de 2022, às 9h, no plenário das deliberações Deputado Renê Barbour, na Casa de Leis. “Observando que teremos o recesso parlamentar, por isso que propomos a convocação para o próximo ano. Precisamos que o secretário preste informações sobre os recursos federais no âmbito do estado de Mato Grosso. Recebemos informações de R$ 72 milhões que chegaram, sendo R$ 46 milhões do governo federal e R$ 26 milhões da bancada federal. Então, a gente precisa saber e trazer essa transparência para a população da forma que foi feita a aplicação destes recursos”, justifica Claudinei.
Cenário
Segundo ele, os parlamentares percorrem várias regiões no interior do Estado e é notado prédios da segurança pública em situação precária. “Não só infiltrações, goteiras, como, também, instalações elétricas e outros problemas a mais. Precisamos saber como está sendo investido esses recursos. Temos o grande apoio dos prefeitos, Conselhos Comunitários de Segurança (Consegs) que fazem a gestão de recursos - em parceria ao Poder Judiciário e Ministério Público. Tanto que, neste ano, foram geridos R$ 25 milhões para a segurança pública. É muito dinheiro”, frisa o deputado.
Claudinei reforça a necessidade da distribuição de pistolas Glock de 9 mm, em que o governo estadual apontou que seriam entregues até o final deste ano, mas, infelizmente, nem todos os policiais receberam o armamento. Além disso, ele solicita informações sobre os investimentos aplicados nas faixas de fronteira, os editais dos concursos públicos para atender as instituições de segurança pública, que ainda não foram liberados.
Outros questionamentos feitos pelo parlamentar no requerimento, seria como está o planejamento da Sesp para a construção ou reforma dos prédios do Instituto Médico Legal (IML) da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e o motivo do município de Rondonópolis não poder contar com a instalação de uma base do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) para atender as áreas da saúde e da segurança pública.
“São todas essas informações que precisamos ter conhecimento. Esperamos que o secretário traga esse relatório com essas informações. Esse prazo que temos, esperamos que venha de forma correta e clara para sabermos como foram aplicados os recursos federais destinados para a segurança pública de Mato Grosso”, conclui o parlamentar.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos