Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Mixto Esporte Clube

Mixto Esporte Clube
Nas origens do Mixto uma mescla de cultura, tradições regionais e esportes praticados por homens e mulheres.

Prefeitura Municipal de Rondonópolis

Prefeitura Municipal de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022

quarta-feira, 5 de janeiro de 2022

Deputado quer assentar 159 famílias ‘sem teto’ em área ocupada às margens da MT-010

O objetivo é garantir função social da terra, como manda a Constituição. O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) apresentou nesta terça-feira (4), um projeto de lei que autoriza o Governo do Estado a desapropriar uma área de 9 hectares em Cuiabá para assentar 159 famílias. O terreno fica no bairro Altos do Ubirajara, entre a Rodovia Helder Cândia (MT-010), a popular Estrada da Guia, e o Córrego do Ribeirão da Ponte. O terreno foi ocupado ainda em 2020.
"São famílias que não têm onde morar, a maioria no subemprego ou desempregada. Queremos que seja dada a está área sua função social, como manda a Constituição, indenizando, é claro, o proprietário da área", explicou o deputado.
De acordo com o projeto o assentamento vai dinamizar "a economia da região tornando justa a distribuição de terras, objetivo maior de toda a reforma em curso em nosso país".
"É pertinente todo e qualquer esforço para assentar essas famílias, dando condições dignas de trabalho, existência e condições de contribuir com os números positivos de nossa economia, gerando renda e dignidade aos cidadãos", diz trecho do projeto.
"Queremos que o Governo do Estado transforme a área num assentamento urbano onde sejam assentadas exatamente as 159 famílias que lá estão. Que ofereça a elas todas as condições necessárias a vida com dignidade. Sabemos que não vai ser fácil, a caminhada é longa, mas foi dado o primeiro passo", explicou o deputado.
"Para o cumprimento do disposto nos Artigos 1º, ficam priorizadas as famílias já instaladas no local até a data da publicação da presente lei".
O projeto foi lido nesta terça-feira (4.1), em sessão extraordinária da Assembleia Legislativa, e segue para primeira votação.
Robson Fraga/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos