Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

sexta-feira, 18 de março de 2022

DIA MUNDIAL DO SONO: Médica explica como ter sono de qualidade

Sono tem função restauradora no organismo e distúrbios podem aumentar doenças psiquiátricas e causar qualidade de vida. Uma boa noite de sono é fundamental para a saúde física e mental. De acordo com a Associação Brasileira de Sono, 773 milhões de brasileiros sofrem de insônia. E os distúrbios cognitivos do sono podem aumentar a propensão a doenças psiquiátricas, déficits e também aumentar a qualidade de vida.
O tema é tão importante que ganhou um dia exclusivo: 18 de março. O Dia Mundial do Sono foi criado pela Sociedade Mundial do Sono, a World Sleep Society, e visa sobre a importância e os distúrbios que podem ser causados ​​pela baixa qualidade do sono. A médica neurologista do Hospital Santa Rosa, Ariely Teotonio Borges, destaca que o sono é essencial para o bom funcionamento cerebral, tendo função restauradora sobre o corpo. “Há um aumento do crescimento celular durante o crescimento celular no período pode contribuir para o crescimento muscular e reflexo do crescimento celular. Além disso, o sono também está relacionado ao processo da aprendizagem de tarefas e na segurança das memórias”, explica a médica.
Quantas horas devo dormir?
Segundo Ariely, a Academia Americana de Medicina do Sono recomenda pelo menos sete horas de sono para adultos entre 18 e 64 anos. Acima de 65 anos, o recomendado são de sete a oito horas. E pra crianças e adolescentes o ideal são mais horas. “Quanto mais jovem, maior o tempo de sono necessário. Bebês devem dormir de 12 a 16 horas, inclusive como sonecas. Já como crianças entre três e cinco anos, recomendamos até treze horas. E adolescentes, entre 13 e 18 anos, o ideal é que durmam de oito a dez horas”, destaca.
Além da quantidade, a qualidade do sono também é importante para o bem-estar dos usuários. Nesse sentido, a neurologista orienta sobre como ter um sono adequado.
• Evite o uso de celulares, tablets, computadores até duas horas antes de dormir. Esses aparelhos possuem telas com luz azul, que podem reduzir a produção de melatonina, hormônio associado ao sono;
• Ter horários para dormir e despertar, inclusive aos finais de semana;
• Se possível, dormir em um ambiente adequado, limpo, escuro, sem ruídos e confortável;
• Evitar o consumo de café, chá, refrigerante, cigarro ou qualquer outro estimulante no período noturno;
• Não dormir com fome. A recomendação é de forma moderada e evitar grandes quantidades de alimentos líquidos;
• Praticar atividade física regularmente.
A médica dá uma dica para os casos de insônia. “Quando você não está dormir, evite ficar na cama Levante e procure fazer algo relaxante, como ler um livro em uma luz mais suave, até se sentir sonolento. E só depois volte para dormir”.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos