Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

sexta-feira, 15 de abril de 2022

Wellington e Fábio pedem que ministro reconheça emergência no setor de suinocultura em Mato Grosso

Sugestão dos senadores é alternativa para que o Governo do Estado possa conceder incentivos e frear impacto da alta de commodities.
Os senadores Wellington Fagundes (PL-MT) e Fábio Garcia (UB-MT) pediram nesta quarta-feira, 13, ao ministro da Agricultura, Marcos Montes, que o ministério reconheça estado de emergência para autorizar o governo de Mato Grosso a conceder incentivos a produtores de suínos. Esse fomento visa compensá-los dos aumentos expressivos das commodities, que têm prejudicado a cadeia de produção.
“Para se ter uma ideia, cada pecuarista tem perdido algo em torno de R$ 300 por cabeça, o que torna a situação insustentável para quem quer sobreviver e levar renda à sua família com a atividade pecuária”, lamentou Fagundes. Segundo ele, a iniciativa também garante segurança alimentar ao país e evita que os preços ao consumidor final sejam inflacionados.
O secretário de Desenvolvimento do Estado, César Miranda, que esteve presente na reunião, adiantou ao ministro que a alternativa é viável para o governo do Estado, na medida em que tem condições de oferecer tal solução tributária e, assim, desonerar o produtor e assegurar empregos.
Para o senador Fábio Garcia, a sugestão é plenamente exequível e há inclusive possibilidade da adoção de eventuais alternativas, ou mesmo complementações à política adotada, como por exemplo o Governo Federal renegociar ou anistiar financiamentos que foram feitos.
O ministro afirmou que a ideia é “interessantíssima”, pois faz com que a responsabilidade de compensar os produtores seja dividida entre a União e o Estado. “Vamos trabalhar isto com prioridade no Ministério, pois acredito que podemos inclusive replicá-la nos demais Estados brasileiros, como forma de sanar rapidamente um problema global”, reconheceu Marcos Montes.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos