Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

quarta-feira, 29 de março de 2023

PARQUE DE CHAPADA: Mauro está inconformado com demora em resposta sobre estadualização do Parque de Chapada

O governador Mauro Mendes (União) está inconformado com a demora do governo federal em responder sobre o pedido de estadualização do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães. Em entrevista à imprensa nessa terça-feira (28), o chefe do Executivo fez questão de evidenciar seu descontentamento com a situação, chegando a classificá-la como uma piada de mau-gosto. “Olha, parece piada o que está acontecendo, de mau gosto, diga-se de passagem, porque eu estou cansando de repetir esse argumento que parece para mim tão óbvio. ‘Olha, passa esse parque para o Estado, temos condição de fazer melhor do que a União.’”, comentou.
Na semana passada, a situação parecia ter avançado em razão da sinalização do ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, que segundo secretário chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, teria manifestado apoio à estadualização. Nas palavras de Carvalho, Padilha estaria “sensível a essa pauta” e com entendimento “que para todos os mato-grossenses o melhor é o Governo do Estado assumir esse parque”.
O imbróglio começou no final do ano passado, quando uma licitação para concessão do Parque Nacional de Chapada foi realizada e Mauro Mendes perdeu a disputa para Fram Capital, sendo a outorga fixa ofertada no valor de R$ 1.009.132,27. Essa empresa já administra outros 10 parques no país, o que foi, inclusive, salientado pelo governador na entrevista concedida nesta terça. “O que está sendo feito aí com essa empresa privada que já ganhou todos os parques no Brasil a mim parece que não cheira muito bem”, disse.
A MT Participações e Projetos S. A. (MT Par) também concorreu ao certame com uma proposta de investimento na ordem de R$ 200 milhões nos quatro primeiros anos da concessão, mas foi desclassificada por não apresentar garantias bancárias. A proposta vencedora prevê um investimento de R$ 18,5 milhões ao longo de 30 anos.
No início deste mês de março, Mauro Mendes chegou a enviar um ofício ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pedindo a transferência do parque, mas até o momento não recebeu uma resposta definitiva.
Além da diferença exorbitante no montante a ser investido no parque, o governo estadual questiona o preço que a concessionária vencedora terá direito de cobrar para acesso ao parque, que pode chegar a R$ 100,00 por pessoa.
O governo ingressou na justiça para anular a licitação, mas já teve duas decisões desfavoráveis.
Apesar das derrotas, Mauro Mendes garante que não desistirá da estadualização.
“Todo mundo escuta, todo mundo concorda, mas ninguém faz nada. E vai ficar aquele parque como está lá até hoje, abandonado, sem investimento, sem infraestrutura. E agora passando para a iniciativa privada o cidadão vai ter que pagar quase R$ 100. É um absurdo. É um verdadeiro absurdo e eu não consigo entender, estou inconformado com a falta de sensibilidade do governo anterior e agora, até o presente momento, não tive a mesma acessibilidade nesse governo. Mas não desanimei, vou continuar até o último segundo brigando por isso”.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico cpweb
Instagram: @caminhopoliticomt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos