Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

quinta-feira, 26 de outubro de 2023

Maysa convida presidente da AAPOC para usar Tribuna Livre

A vereadora de Cuiabá, Maysa Leão (Republicanos) convidou a presidente da Associação de Apoio aos Pacientes Oncológicos de Cuiabá (AAPOC), Janaina Santana, para o uso da Tribuna Livre desta quinta. A entidade que dedica as suas atividades a apoiar a jornada dos pacientes que possuem câncer, enfrenta desafios para atender seus pacientes. "Ninguém escolhe ter câncer, eu não escolhi. Por isso convidamos vocês a se juntarem com a gente” disse Janaína no Plenário.
“Nós temos muitas necessidades aos pacientes, principalmente quando se diz sobre a suplementação, o cateter para quimioterapia, de próteses de silicone e de dietas específicas que são caras. Mesmo com dificuldades, e sobrevivendo de doações, nós nunca dissemos não nesses dois anos e meio”, disse Janaina Santana, presidente da APPOC. Segundo Janaina, mesmo com as necessidades existentes, a associação entrega dignidade e esperança aos seus assistidos.
Fundada em 2020, a AAPOC apoia três instituições de forma fixa: o Instituto de tratamento de tumores de Cuiabá (ITC), que atende cerca de 1500 pacientes por mês, o Centro de especialidades em câncer infanto-juvenil (CECI), ambos via SUS, e a Casa Transitória Irmã Dulce, que abriga pacientes em vulnerabilidade financeira, que estão em tratamento em Cuiabá, mas são residentes em outras cidades.
“A AAPOC com tão pouca verba faz muito pelo paciente oncológico, e isso nos deixa envergonhados com o poder público. O Câncer não espera. A ausência do poder público faz com que essas pessoas não tenham o diagnóstico no tempo certo. Nós enquanto parlamentares destinamos emendas e cobramos políticas públicas que sejam contínuas”, relatou a vereadora Maysa na Sessão Ordinária.
Assessoria|Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos