Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

sexta-feira, 10 de novembro de 2023

"As estratégias são traçadas todos os dias conforme a situação local", afirma comandante do Corpo de Bombeiros

O comandante do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT), coronel Alessandro Borges, afirmou que as estratégias para combate ao incêndio no Parque Estadual Encontro das Águas são atualizadas diariamente, conforme monitoramento in loco e por meio dos satélites da Sala de Situação Geral, no Batalhão de Emergências Ambientais (BEA). "Na Sala de Situação temos softwares de ponta, alta tecnologia que nos permite monitorar o local em tempo real, processar, tratar e encaminhar as informações para que a base de operação em Porto Jofre possa criar estratégias necessárias para combate às chamas nos pontos detectados, seja por barco, helicóptero ou por meio terrestre. Além disso, os militares da operação também fazem o monitoramento no local, acompanhando de perto a situação", destacou. O comandante da operação, major Alex Queiroz, apontou que, em razão das características do Pantanal, os incêndios na região são dinâmicos, uma vez que o fogo de alastra pelo subsolo. Por isso, a situação muda durante o dia e as equipes ficam em constante monitoramento, replanejando as estratégias conforme a necessidade. "A região aqui é muito grande, as distâncias são realmente longas e em são muitos locais de difícil acesso. Além disso, tivemos dias de muita ventania, que fizeram a reignição do incêndio, aliada à vegetação seca. Então, todo dia traçamos uma nova estratégia de combate. Principalmente no período da manhã, acompanhamos a atualização do incêndio, as coordenadas, a situação no local, e montamos a estratégia para aquele dia", explicou.Nesta quarta-feira (09), acompanhado do superintendente de Defesa Civil, tenente-coronel BM Luís Cláudio Pereira, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros sobrevoou o Parque Estadual Encontro das Águas. Ele ressaltou que a instituição atua com força total na região."Estamos com uma equipe robusta do Corpo de Bombeiros, junto a outros órgãos como Defesa Civil, Ciopaer, Sema, Prefeitura de Poconé e com os proprietários da região, trabalhando em sinergia para mitigar os danos ambientais. O governador em exercício, Otaviano Pivetta, determinou o reforço na equipe e estamos tendo muita eficiência na diminuição do dano ambiental e na preservação da fauna e flora local", afirmou o comandante.A secretária de Meio Ambiente de Poconé, e coordenadora municipal de Defesa Civil, Danielle de Assis Carvalho, afirmou que a atuação do Corpo de Bombeiros é imprescindível para evitar que os incêndios se alastrem. "Eles têm as técnicas adequadas para o combate para conseguirmos extinguir os focos de calor, impedindo que esses incêndios se tornem grandes desastres", acrescentou. De acordo com o superintendente de Defesa Civil do Estado, tenente-coronel BM Luís Cláudio, a Casa Civil já disponibilizou recursos financeiros para serem empregados na operação, e a Defesa Civil disponibilizou novas aeronaves para as ações de combate."Nosso papel é potencializar a capacidade de resposta do Corpo de Bombeiros aqui no local. Para isso, estamos disponibilizando aeronaves com capacidade de 3 mil litros cada uma, viaturas, e já contratamos 300 horas de voo somente para esta operação. Também já temos disponibilizados recursos financeiros para, se necessário, serem utilizados e conseguirmos extinguir esse incêndio o mais breve possível", afirmou. Na região, o Corpo de Bombeiros atua com militares em solo, realizando ações de prevenção, como construção de aceiros e barreiras, e no combate direto às chamas. Nas regiões de mais difícil acesso, são utilizadas embarcações e aeronaves para o lançamento de água e apoio aos militares. "Com o helicóptero do Ciopaer, fazemos o sobrevoo nas áreas onde estão o fogo e auxiliamos no planejamento para identificar como adentrar no local. São áreas de difícil acesso, então vamos colocando os militares o mais próximo possível. Áreas em que se leva 30 minutos de barco, fazemos o trajeto em cinco minutos, otimizando o tempo e garantindo mais eficiência na operação", destacou o secretário adjunto de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública, delegado Valter Furtado Filho, comandante do helicóptero, nesta quarta-feira (09).Além das ações de combate ao incêndio, os militares também atuam com fiscalização contra o uso do fogo no período proibitivo, que foi prorrogado até 30 de novembro.

Assessoria/Caminho Politico
@cpweb @caminhopoliticomt
Curta o instagram: caminhopoliticomt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos