Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2024

HOMENAGEM: ALMT realiza lançamento do filme "A primavera de Dante"

A noite de terça-feira (6) vai ficar marcada na história de Mato Grosso. O Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, anexo à Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), ficou lotado de autoridades, políticos, público em geral e familiares no lançamento do filme "A primavera de Dante". O média-metragem conta a história da vida do ex-governador Dante de Oliveira e faz um resgate sobre a trajetória política do autor das ‘Diretas Já’, que, nesta data, completaria 72 anos.
A sessão especial foi requerida pelo deputado Carlos Avallone (PSBD), que, na solenidade, homenageou três personalidades com a Comenda Dante de Oliveira, uma das mais altas honrarias concedidas pelo Parlamento estadual. Os agraciados foram Domingos Leonelli, coautor do livro “Diretas Já”, a deputada federal da Bahia Lídice da Mata (PSB) e Marconi Perillo, presidente nacional do PSDB.
Dona Maria de Oliveira, mãe de Dante, fez questão de prestigiar o lançamento do filme. Aos 102 anos, ela agradeceu o carinho e o reconhecimento das pessoas pelo trabalho que seu filho desempenhou em Mato Grosso e no Brasil. “Me sinto feliz em ver tantas pessoas amigas de Dante. Agradeço pelas histórias contadas e peço que nosso estado cresça e seja a esperança para nossa juventude”, declarou dona Maria.
A viúva de Dante de Oliveira, Thelma de Oliveira, elogiou a ideia de fazer um filme contando a história do homem político que Dante foi. “Eu entendo que esse movimento é o resgate histórico de tudo que Dante foi, a importância de todos os cargos que ele ocupou e das grandes transformações de manter essa memória viva, principalmente para as futuras gerações. Destaco um momento marcante na vida de Dante, quando ele foi fazer o discurso das Diretas Já, com mais de um milhão de pessoas. Ele ficou surpreso, assim como eu não imaginamos o alcance da proposta, a partir daí ele cresceu pessoalmente e politicamente”, disse Thelma.
O deputado Carlos Avallone, autor do requerimento da sessão especial, contou que a obra de Dante é extensa e não é só em Mato Grosso, mas no Brasil. “Essa história tem que ficar registrada, é uma trilogia. Aproveito para elogiar e homenagear as pessoas que participaram dessa construção. A emenda das ‘Diretas Já’ não foi fácil, foi muita luta e emoção. Destaco a multidão na Praça da Sé, em São Paulo, e na Praça da Candelária, juntas, reuniram mais de 2 milhões de pessoas que apoiaram o projeto de Dante, o maior estadista que Mato Grosso e o país já teve”, explicou Avallone.
Leonardo Oliveira, presidente do Instituto Dante de Oliveira disse o político Dante mudou a história do país e que deixou um legado para a população. “Parabenizo o deputado Carlos Avallone pelo lançamento desse filme, dessa trilogia. Esse é só o primeiro capitulo de tudo que vem por aí, para que as gerações atuais e futuras conheçam a história desse homem tão importante e revolucionário, e acima de tudo cuiabano”.
Para o presidente da ALMT, deputado Eduardo Botelho (União), uma das maiores lutas de Dante foi a defesa pela democracia. “Eu conheci Dante quando ele veio do Rio de Janeiro para Cuiabá. Eu estava na faculdade e ele já participava dos grupos estudantis. A grande luta dele era a defesa da democracia. O prédio da Assembleia Legislativa leva o nome dele, ‘Edifício Governador Dante Martins de Oliveira´, tamanha é a importância desse homem revolucionário e democrata que Mato Grosso já teve”, destacou Botelho.
O primeiro-secretário da ALMT, deputado Max Russi (PSB), parabenizou a iniciativa do deputado Carlos Avallone, que foi amigo de Dante. “É justo poder contar a história de um cuiabano, autor das Diretas Já. Ele foi governador do estado, deputado federal, prefeito da capital, um político carismático e que deixou um legado, isso motiva a juventude e todos nós”, declarou Max.
Comenda Dante de Oliveira - Na noite de lançamento do filme "A primavera de Dante", os deputados Eduardo Botelho e Carlos Avallone entregaram a Comenda Dante de Oliveira a três personalidades que participaram efetivamente no movimento Diretas Já: o ex-governador de Goiás, Marconi Perillo, a deputada federal Lídice da Mata e Domingos Leonelli, secretário nacional de formação política do PSB.
Marconi Perillo, presidente nacional do PSDB, destacou a trajetória de Dante. “Dante foi para minha geração o Cavaleiro da Esperança. O homem que trouxe para o Brasil oportunidades. Eu tinha 20 anos de idade quando ele trouxe a proposta da emenda das Diretas Já. Tive a oportunidade de conviver com Dante e pude aprender muito. Foi ele que me inspirou na política e com certeza virou o símbolo da redemocratização no país”.
A deputada federal da Bahia Lídice da Mata (PSB) lembrou do tempo das Diretas. “Eu acompanhei de perto a campanha das Diretas Já. Foi um momento de extrema mobilização do povo brasileiro de sua insatisfação com governo militar. Dante deu um passo e foi capaz, por meio de uma emenda, com poucas palavras, incorporar esse sentimento nacional”.
Domingos Leonelli, coautor do livro Diretas Já, ressaltou a importância da campanha para o Brasil. "Essa campanha das Diretas Já veio em um momento de grande importância e definiu uma estratégia para a política brasileira. Uma ruptura da ditadura, reivindicando o direito de votar. Foi uma coisa revolucionária e a maior mobilização política do século 20”.
O filme - O média-metragem "A primavera de Dante” relembra a vida e a obra do político mato-grossense das ‘Diretas Já’, que se tornou ícone nacional na luta pela democracia, além de resgatar os 40 anos do Movimento das Diretas Já, celebrado em 2024.
O filme é uma realização da Associação Mato-grossense de Inclusão Sociocultural (Amiscim), Assembleia Legislativa de Mato Grosso e Secretaria Estadual de Cultura, Esporte e Lazer/Governo do Estado de Mato Grosso.
O operador de máster da TV Assembleia Vicenzo Zaleski interpreta no filme o personagem Dante de Oliveira. “Eu fiquei feliz em ter sido escolhido a partir de um convite de um amigo historiador. Sou radialista de formação e fiz teatro, mas nunca tinha atuado, essa foi minha primeira vez. Fazer o personagem de Dante foi gratificante, principalmente por conta do carinho que o povo de Cuiabá tinha por ele, que era muito conhecido. A experiência dessa primeira parte do filme destaco a transformação dele e o despertar para a vida política”.

Ficha técnica - O filme tem produção executiva de José Paulo Traven, direção de Leonardo Sant’Ana, pesquisa de João Antonio Lucidio, direção de produção de Giulia Costa. Na direção de fotografia, Kelven Queiroz; som direto/assistente de câmera por Ricarte Oliveira, edição/colorista Murilo Nascimento, som com Eduardo Lehr; produção de Anna Magalhães; direção de arte e figurino, Laís Wrzesinski. O operador de máster da TV Assembleia Vicenzo Zaleski dá vida ao personagem Dante de Oliveira.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb
Curta nosso Instagram: @caminhopoliticomt
Curta nosso facebook: /cp.web.96

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos