Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

GOVERNO DE MATO GROSSO

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

sábado, 8 de junho de 2024

Uma empresa de saúde verde cuida da vida e do planeta

Estamos na Semana do Meio Ambiente e por isso vamos falar aqui sobre a importância das instituições de saúde adotarem medidas de sustentabilidade que a tornem uma empresa verde. A sustentabilidade no setor de saúde não é apenas uma tendência, mas uma necessidade urgente.
Empresas de saúde sustentáveis desempenham um papel vital na proteção do meio ambiente, na promoção da saúde pública, na geração de benefícios econômicos e na construção de uma sociedade mais justa e equitativa. Adotar práticas sustentáveis é uma oportunidade para as empresas de saúde lideram pelo exemplo, inovarem e contribuírem para um futuro mais sustentável para todos.
Primeiramente, a empresa deve ser projetada para adotar uma construção verde, sustentável e ser concebida para práticas de cuidados sustentáveis.
Entre as principais áreas de sustentabilidade no setor da saúde, destacamos a eficiência energética, uso de energia renovável e o cuidado com o desprezo dos resíduos biológicos.
Instalações de saúde consomem grandes quantidades de energia. Implementar tecnologias de eficiência energética e usar fontes de energia renovável reduz as emissões de carbono e diminui a pegada ecológica. Daí a importância da aquisição de equipamentos (do ar condicionado à ressonância magnética) com baixo consumo de energia, do uso de lâmpadas LED, instalação de painéis solares e outras fontes de energia limpa para diminuir a dependência de combustíveis fósseis. Além disso, espaços com entrada de luz natural, ajudam a reduzir o consumo de energia e torna os ambientes mais acolhedores e humanizados.
A gestão de resíduos, sólidos e efluentes, nas empresas de saúde, são fundamentais neste processo. Isso inclui a redução da produção de resíduos biológicos bem como o descarte seguro destes. Empresas de saúde geram uma quantidade significativa de resíduos perigosos, incluindo materiais biológicos, químicos e radioativos. Práticas sustentáveis focam na redução e descarte adequado destes materiais. Alinhada às práticas sustentáveis, a reutilização, reaproveitamento e reciclagem dos outros tipos de resíduos gerados (papel, plástico, metal, vidro e orgânico) também contribuem para minimizar o impacto ambiental. O tratamento do efluente com uso de filtro anaeróbico, fossa séptica, biodigestor e cloração participam deste processo.
Destaca-se a adoção de práticas de produção mais eficientes e reengenharia de processos para reduzir o desperdício de materiais, além da implementação de políticas de desperdício de resíduos orgânicos e de outros recursos.
Fundamental, ainda, priorizar a aquisição de produtos que tenham menor impacto ambiental, sejam biodegradáveis, recicláveis ou feitos de materiais reciclados.
Outro ponto fundamental é o uso racional de resíduos hídricos. A conservação e o uso eficiente da água são cruciais, especialmente em áreas onde a escassez de água é uma preocupação. Práticas como a reciclagem de água e o uso de sistemas de baixo consumo ajudam a conservar esse recurso vital.
Seguimos pontuando sobre a importância da adoção de tecnologias que reduzam o impacto ambiental, como software de gestão de energia, equipamentos de produção eficientes, lâmpadas e elevadores inteligentes, dentre outros.
E para além disso, manter uma comunicação aberta e transparente com todas as partes interessadas sobre os esforços de sustentabilidade da empresa, educando e envolvendo os colaboradores, terceirizados e levando informações para a sociedade por meio de ações sociais e educativas.
O que podemos colher de resultados sendo uma empresa de saúde sustentável?
Práticas e ambientes sustentáveis nas empresas de saúde podem reduzir a exposição dos pacientes e colaboradores a produtos químicos tóxicos, biológicos e perfurocortantes, criando ambientes de cuidado mais seguros e saudáveis.
Empresas de saúde sustentáveis devem liderar pelo exemplo, promovendo a saúde e o bem-estar através de programas de educação e iniciativas comunitárias que incentivem hábitos de vida saudáveis.
Na outra ponta, a eficiência energética, redução de desperdícios e outras práticas sustentáveis frequentemente resultam em economias significativas para as empresas de saúde. Essas economias podem ser reinvestidas em melhorias de cuidados, inovação e infraestrutura.
A sustentabilidade no setor da saúde é uma abordagem essencial para garantir a longevidade e a eficácia das instituições de saúde enquanto se protege o meio ambiente e se promove a saúde pública. Ao adotar práticas sustentáveis, as organizações de saúde podem não só melhorar a qualidade do atendimento, mas também contribuir significativamente para um futuro mais sustentável e saudável para todos.
Empresas de saúde que adotam práticas sustentáveis estão posicionadas para liderar a transição para um futuro mais saudável e equilibrado, ao mesmo tempo em que proporcionam melhores cuidados e resultados para os pacientes.
É impossível dissociar saúde e meio ambiente. Uma empresa de saúde verde cuida da vida e do planeta.
Natasha Slhessarenko é pediatra e patologista, professora da UFMT e fundadora da Clínica Vida Diagnóstico e Saúde, em Várzea Grande (MT)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos