Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

GOVERNO DE MATO GROSSO

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

terça-feira, 2 de julho de 2024

A pedido de Medeiros, comissão ouve ministro sobre importação de arroz nesta quarta-feira

Depois de Fávaro, Pimenta participa de reunião da Comissão da Agricultura. O ministro-chefe da Secretaria Extraordinária de Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul, Paulo Pimenta (PT), será ouvido nesta quarta-feira (3), às 10 horas, pela Comissão de Agricultura da Câmara Federal. O ministro foi convocado a pedido do deputado federal José Medeiros (PL-MT), no último dia 4 de junho, para esclarecer o escândalo que se tornou a proposta do Governo Federal em importar cerca de 1 milhão de toneladas de arroz.
No mesmo requerimento solicitando a convocação de Pimenta, Medeiros também pediu a convocação do ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro (PSD), que foi ouvido no último dia 19 de junho e manteve a defesa da importação de arroz apesar das denúncias de irregularidades.
Medeiros, que também é membro titular da Comissão de Agricultura, destacou a necessidade urgente de esclarecer os indícios de corrupção e favorecimento relacionados à importação. “O governo do PT está tentando abafar o escândalo envolvendo a importação de arroz. Eles [Governo Federal] suspenderam o leilão que previa a compra de 263,3 mil toneladas após a divulgação das irregularidades. No entanto, há muitas perguntas sem resposta. Em seu depoimento, o ministro da Agricultura não explicou nada e ainda voltou a defender a importação do grão. Agora, é a vez do Paulo Pimenta. A expectativa é que ele explique os indícios de corrupção, favorecimento e outros ilícitos envolvendo a importação de arroz. Além dos ilícitos, existe ainda o prejuízo que essa medida pode causar à agricultura e ao povo brasileiro. As irregularidades são tantas que o próprio governo admitiu que pode cancelar em definitivo a importação de arroz”, disse o parlamentar.
Medeiros voltou a defender a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar com mais profundidade o caso. “Mesmo com a possibilidade de cancelamento da importação de arroz, o governo Lula tem muito o que explicar sobre essa operação desastrosa, danosa a agricultura brasileira e com cheiro forte de corrupção. Estamos trabalhando para instalar a CPI e esclarecer mais uma vergonha desse desgoverno petista”, disparou.
A oposição ao governo precisa de 171 assinaturas para a instauração da CPI do Arroz. Até o momento, 156 deputados já assinaram o requerimento, apesar das pressões contrárias por parte da base governista.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico cpweb
Curta nosso Instagram: @caminhopoliticomt
Curta nosso facebook: /cp.web.96

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos