Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

MRV ENGENHARIA

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, nº 158 - Centro - CEP: 78005-906

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

ABAV EXPO 2018 Conecta

ABAV EXPO 2018 Conecta
Av. Olavo Fontoura, 1209 - Portão 1 - Santana, São Paulo - SP E-mail: visit@abavexpo.com.br

terça-feira, 10 de julho de 2018

"Angola e Portugal acertam visitas de alto nível'

defaultJá estão criadas as condições para a visita oficial do primeiro-ministro português, António Costa, a Angola, que poderá acontecer em setembro. Presidente João Lourenço deve deslocar-se a Portugal até final do ano. António Costa deverá deslocar-se a Luanda antes da Assembleia Geral das Nações Unidas, depois de ter recebido esta segunda-feira (09.07), em Lisboa, uma carta que lhe foi endereçada pelo Presidente angolano, João Lourenço, entregue pessoalmente pelo ministro angolano das Relações Exteriores. Segundo Manuel Augusto, é desejo de Angola reforçar a cooperação com Portugal, agora que está ultrapassado "o fator irritante" que atrapalhou as relações político-diplomáticas entre os dois países, suspensas na sequência do processo produzido pela justiça portuguesa que envolvia o nome de Manuel Vicente, ex-vice-presidente de Angola e antigo administrador da petrolífera Sonangol.
A visita do primeiro-ministro português, que poderá acontecer "muito em breve", terá uma componente econômica importante, sublinhou Augusto Santos Silva, reforçando que "o relacionamento entre os dois países é muito intenso."Ambas as partes estão a acertar as agendas dos dois chefes de executivo, referiu Domingos Augusto. "Estamos a preparar um programa meticuloso e por isso mesmo queremos uma data em que nenhuma das partes esteja sob a pressão de outros compromissos. Mas posso assegurar que ela vai ter lugar muito brevemente", disse.
Perante a insistência dos jornalistas, o chefe da diplomacia portuguesa foi mais objetivo: "Antes do chefe de Estado de Angola e do chefe do Governo português partirem para a Assembleia Geral das Nações Unidas no próximo mês de setembro, certamente será realizada a visita do primeiro-ministro de Portugal a Angola."
João Lourenço deverá retribuir a visita ainda em 2018. "Está fechado. O Presidente de Angola vem a Portugal até final do ano", noticiou o semanário português Expresso, que cita fonte oficial.
Caso Manuel Vicente já não atrapalha relações
Segundo o ministro angolano, desapareceu o "irritante" a propósito do mal estar causado pelo processo-crime instaurado pela justiça portuguesa envolvendo o ex-vice-presidente de Angola, Manuel Vicente.
"Angola acabou de receber há poucos dias o processo enviado pelo Tribunal da Relação [de Lisboa]. O processo foi agora entregue às autoridades competentes angolanas que vão dar o tratamento necessário. Tal como aqui, lá também o judicial é independente, mas estou autorizado a dizer que já recebemos, para além do processo digital, já recebemos o processo físico", declarou.
A partir de agora, o caso Manuel Vicente está nas mãos das autoridades judiciais angolanas. Ultrapassado este diferendo, há muito tempo que vem sendo preparada a visita oficial do primeiro-ministro, António Costa, a Angola. Este foi o tema prioritário da reunião de trabalho, esta segunda-feira, entre os chefes da diplomacia de Portugal e de Angola.
Ajuda de Portugal diversificar economia
Angola quer reduzir a sua dependência do petróleo e conta com Portugal para a diversificação da sua economia, nomeadamente nas áreas da agricultura, pescas e indústria, incluindo o turismo, com previsão de se desenvolver setores de emprego massivo a pensar sobretudo nos jovens. O desafio foi lançado pelo ministro angolano das Relações Exteriores, Manuel Augusto.
"Contamos com Portugal, quer ao nível bilateral quer enquanto membro da CPLP. Queremos também contar com Portugal enquanto membro da União Europeia", disse no final do encontro de trabalho com o seu homólogo português.Augusto Santos Silva disse que a reunião foi "muito produtiva", o que permitiu fazer o ponto da situação das relações bilaterais, no plano político, econômico e cultural. "O Programa Estratégico de Cooperação, que está a ser preparado, está praticamente concluída a sua negociação do ponto de vista técnico e entendemos que ele estará pronto a ser assinado na próxima visita do primeiro-ministro de Portugal a Angola", informou.
O chefe da diplomacia angolana, que participa esta terça-feira no Fórum EurÁfrica em Cascais, disse que estão criadas as condições para o alargamento das "excelentes relações de cooperação entre os dois países". Prova disso é a audiência que teve com o primeiro-ministro António Costa e com o Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa.
João Carlos (Lisboa)Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário