Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

ANUNCIE AQUI!

ANUNCIE AQUI!
SUA EMPRESA COM MAIS VISIBILIDADE E VENDA

Conecte na ALMT

AJUDE ESTA CAUSA

AJUDE ESTA CAUSA
SANTA CASA DE CUIABÁ | (65) 3051-1946

Prefeitura Municipal de Rondonópolis

Prefeitura Municipal de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411-3500

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

"RELAÇÕES INTERNACIONAIS: Acordo de livre comércio reforça aliança entre brasileiros e chilenos"

Em declaração após a reunião bilateral, Michel Temer anunciou que chilenos aposentados no Brasil não vão recolher imposto de renda ao voltar ao seu país.assinatura de um acordo de livre comércio entre Brasil e Chile é mais um passo para reforçar a aliança bilateral, afirmaram nesta quarta-feira (21) os presidentes dos dois países. Com o novo pacto, haverá aumento em investimentos, exportações, importações e incentivo ao turismo.
Em seu discurso, o presidente da República Michel Temer, afirmou que a ligação diplomática entre Brasil e Chile tem origem pelos interesses comuns e também na Constituição Federal, que prevê a integração entre as nações da América do Sul. “Em apenas seis meses nós fomos capazes de formatar e formalizar esse acordo. Isso é fruto de uma convergência natural que existe entre os nossos governos”, disse o presidente Temer.
Mesmo sem compartilhar fronteiras geográficas, as duas nações se apoiam e mantêm uma relação de amizade, acrescentou o presidente chileno, Sebastián Piñera.
Negócios melhores
Ambos reconheceram a agilidade do fechamento do acordo de livre comércio, que ocorreu em aproximadamente seis meses.
O compromisso firmado entre os dois países abrange 24 áreas não tarifárias e vai ampliar e fortalecer o livre comércio. Já havia um acordo de 1996 que zerou as tarifas mas, agora, com regras harmonizadas, haverá um incentivo e uma maior previsibilidade para os fluxos comerciais e de investimentos.
Aposentadoria
Após a assinatura do acordo, Temer ainda anunciou uma medida para beneficiar cidadãos chilenos que trabalharam no Brasil e voltaram ao país de origem após a aposentadoria.
"Eu determinei ao secretário da Receita Federal do Brasil que, como consequência deste acordo comercial que nós fizemos, também leve à desoneração da cobrança desses 25% dos aposentados chilenos que trabalharam no Brasil e vieram para o Chile", explicou.
Planalto/Caminho Político
Foto: Cesar Itiberê/PR

Nenhum comentário:

Postar um comentário