O Grupo São Benedito é uma das maiores construtoras da região Centro-Oeste.

O Grupo São Benedito é uma das maiores construtoras da região Centro-Oeste.
O Grupo São Benedito é uma das maiores construtoras da região Centro-Oeste.

ANUNCIE CONOSCO

Conferência Assuntos Fundiários - Dep Silvio Fávero - Dep Federal Nelson Barbudo

Conferência Assuntos Fundiários - Dep Silvio Fávero - Dep Federal Nelson Barbudo
Conferência Assuntos Fundiários

GOVERNO DE MATO GROSSO

GOVERNO DE MATO GROSSO
O Nota MT é um programa de incentivo ao exercício da Cidadania

segunda-feira, 27 de maio de 2019

"ASSISTÊNCIA SOCIAL: Representantes da Casa do Adolescente pedem apoio ao Delegado Claudinei"

A Organização não Governamental (ONG) realiza um trabalho preventivo e precisa construir uma nova sede para atender um número maior de crianças e adolescentes carentes. A Casa do Adolescente Sagrada Família (CASF) é uma Organização Não Governamental (ONG) que existe há 27 anos e realiza importantes ações para o desenvolvimento do público infanto-juvenil que se encontra em estado de vulnerabilidade. Na tarde da última sexta-feira (24), o deputado estadual Delegado Claudinei conheceu o trabalho desenvolvido para 87 crianças e adolescentes carentes, com idade entre 6 a 15 anos, de Rondonópolis (MT). O parlamentar foi recepcionado com apresentação musical por parte das crianças e adolescentes da instituição, sendo que a música é uma das modalidades oferecida. Eles também têm aulas de inglês, espanhol, informativa, karatê e apoio pedagógico. De acordo a coordenadora da CASF, Rosângela Ramos, a entidade faz o acolhimento deste público e busca fazer a inserção deles no mercado de trabalho quanto atingem a maioridade. “Já contamos com 302 deles que estão trabalhando. Nosso propósito é transformar vidas. Tirar essas crianças das ruas, reduzir a criminalidade e prostituição. A contrapartida é muito grande”, pontua.
Rosângela comenta que infelizmente a Casa não está contando com o apoio do governo municipal e as dificuldades financeiras são grandes, ainda mais que o público realiza quatro refeições por dia e é preciso pagar os custos com energia e água. Outro detalhe é que o trabalho envolve 21 voluntários, sendo que somente os profissionais das modalidades de dança, karatê e o maestro de música são prestadores de serviço. “Temos uma parceria com a Secretaria Municipal de Promoção e de Assistência Social que repassa mensalmente R$ 7.180,14, mas o nosso custo chega a quase R$ 12 mil. Isso é muito complicado”, exalta a coordenadora.
Ela explica que o pouco recurso, faz com que a instituição faça a arrecadação do dinheiro com a realização de eventos beneficentes, como bazar, feijoada e peixada. “Nosso foco não é ficar vendendo ingressos e rifas e, sim, atender as crianças. Isso afeta muito a nossa rotina com as crianças, pois temos que estar envolvidos com os eventos. O dinheiro arrecado varia sempre de mil a dois mil reais. Mas, essa é a solução que encontramos”, explica Rosângela.
Projeto – Na oportunidade, o Delegado Claudinei tomou conhecimento da necessidade da Casa do Adolescente expandir o espaço para atender um número maior de crianças e adolescentes. “Conhecemos como as crianças e adolescentes são atendidas, não só na parte musical, como, também, alimentação oferecida e o carinho dos envolvidos neste trabalho social que praticamente voluntário. Vou buscar fazer a minha parte, pedir apoio com a classe municipal, estadual e federal. Farei a minha parte e espero que outras pessoas que sensibilizem com este maravilhoso trabalho, também se esforcem para poder garantir um futuro promissor para essas crianças e adolescentes”, conta o deputado.
Rosângela comentou que o Ministério Público doou um espaço que equivale a R$ 800 mil reais, sendo que foi necessário realizar a aquisição de cinco terrenos que gerou um custo de R$ 400 reais para a construção da nova sede, pois infelizmente não conseguiram o apoio do município. “Infelizmente, temos o terreno, mas não conseguimos construir na sua totalidade, pois a obra está estimada a R$ 1 milhão. Hoje, trabalhamos com 87 crianças e adolescentes dentro de um espaço cedido pela Paróquia Nossa Senhora Aparecida. A nova sede comportará 350 a 400 crianças”, enfatiza.
A visita do Delegado Claudinei encheu de esperança Rosângela, como, também, outros representantes do CASF que estiveram presentes - sendo o presidente Wagner Bolonhesi e os conselheiros Tássia Heinrick e Álvaro Heinrick. “Nós vimos um anjo que Deus enviou para nós. Hoje, estou vendo uma luz. Ele foi pronto a nos atender, ele sentou, nos ouviu e leu o projeto. Nós estamos bem esperançosos. Deus abençoa a carreira política e que ele faça a diferença”, contenta a coordenadora.


Apesar do apoio político, a coordenadora da Casa conta que é preciso mobilizar a sociedade e empresários para contribuírem com essa ação social. “Precisamos conseguir mais fundos para a construção da nova sede e mobilizar a sociedade civil. O nosso trabalho é muito bonito que foca no preventivo para que nossos pequenos não sejam menores infratores ou caiam na prostituição. São praticamente talentosos. O meu maior apelo que contar com a ajuda daqueles que podem contribuir com nosso público. As crianças são a esperança do amanhã”, enfatiza Rosângela.
Samantha dos Anjos/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos