Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi, 6 - Centro Político Administrativo, Cuiabá - MT

Trabalhando e Cuidando da Gente

Tribunal de Contas de Mato Grosso

Tribunal de Contas de Mato Grosso
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo

domingo, 12 de maio de 2019

"Partido do Brexit é favorito no Reino Unido"

Fundador do Partido do Brexit, Nigel FarageSigla eurocética fundada em abril tem mais intenções de votos para as eleições europeias que as duas principais forças políticas britânicas juntas, diz pesquisa. Partido da premiê May ocupa apenas a quarta colocação.O Partido Brexit (BP), do eurocético Nigel Farage, lidera as intenções de voto no Reino Unido com 34%. A sigla eurocética tem mais intenções de voto que o partido do governo e a maior legenda de oposição juntos, segundo uma sondagem divulgada neste domingo (12/05) pelo jornal The Observer.
De acordo com a pesquisa, o segundo lugar é ocupado pelo Partido Trabalhista, de Jeremy Corbyn, maior sigla de oposição do país, com 21% das intenções de voto.
Em terceiro lugar surgem os Liberais-Democratas, de Vince Cable, com 12% das intenções de voto, à frente do Partido Conservador (Tories), da primeira-ministra britânica, Theresa May, com apenas 11%.
A sondagem foi realizada pelo instituto Opinium Research entre quarta e sexta-feira e ouviu 2.004 eleitores, segundo o The Observer.
Criado em abrilpelo ex-líder do Partido da Independência do Reino Unido (Ukip), Nigel Farage, o BP explora a insatisfação popular com a percepção de que o Parlamento britânico bloqueou a concretização do referendo de 2016, quando 52% dos eleitores votaram pela saída do Reino Unido da União Europeia (UE).
O Reino Unido tinha inicialmente como data de saída da UE o dia 29 de março, mas, na falta de uma aprovação do acordo pelo Parlamento, a UE aceitou prolongar o prazo até 31 de outubro. Por isso, o país tem que tomar parte da eleição para o Parlamento Europeu, em 23 de maio. Os deputados britânicos ocupam 73 das 751 cadeiras do Parlamento Europeu.
A premiê Theresa May está negociando com o Partido Trabalhista para conseguir obter uma maioria parlamentar que dê fim ao impasse. O acordo sobre o Brexit dos conservadores já foi rejeitado três vezes no Parlamento. May já ofereceu até sua renúncia, caso os deputados aprovem o acordo.
MD/lusa/rtr/cp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos