O Grupo São Benedito é uma das maiores construtoras da região Centro-Oeste.

O Grupo São Benedito é uma das maiores construtoras da região Centro-Oeste.
O Grupo São Benedito é uma das maiores construtoras da região Centro-Oeste.

MAIO AMARELO

Iguá Saneamento

Iguá Saneamento
Rua Gomes de Carvalho, 1306 - 15º andar - São Paulo - SP

Trabalhando e Cuidando da Gente

quinta-feira, 9 de maio de 2019

"SEGURANÇA: Comando Regional da Polícia Militar de Peixoto de Azevedo pode ser transferido "

Representantes da Prefeitura e Câmara de Vereadores de Peixoto de Azevedo se reuniram com o deputado Delegado Claudinei (PSL) e secretário de segurança, Alexandre Bustamante, pra pedir permanência da instituição no município. A transferência do 15º Comando Regional de Polícia Militar (CRPM) de Peixoto de Azevedo para Guarantã do Norte, foi o assunto tratado, na tarde desta quarta-feira (8), entre o secretário de Estado de Segurança Pública (SESP), Alexandre Bustamante, o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) e representantes dos poderes Executivo e Legislativo de Peixoto de Azevedo.
A decisão atende um decreto estadual que aponta Guarantã do Norte como parte das Regiões Integradas de Segurança Pública (RISP) e, nesta condição, Bustamante se comprometeu a segurar a propositiva para que a delegação de Peixoto de Azevedo realize o trabalho político junto com as instituições de segurança.
“Os representantes da sociedade civil organizada de Peixoto de Azevedo deverão tratar com as instituições a necessidade e justificativa para permanência, a técnica da Secretaria vai acompanhar a decisão. As instituições, junto com os poderes constituídos no município, que vão decidir onde vai ficar o Comando Regional desta região integrada de Segurança Pública”, explica o secretário.
Delegado Claudinei avalia que o CRPM tem que ficar em Peixoto, por estar localizado em uma área estratégica e central e atender outros nove municípios vizinhos. “Antes, estes representantes do município, nos procuraram na Assembleia Legislativa, com o deputado estadual Dilmar Dal Bosco (DEM), para tratar deste assunto preocupante. É importante levar essa preocupação ao secretário que vai considerar os pareceres técnicos, para ver a possiblidade de concentrar todas as forças de segurança em Peixoto. Temos um decreto de 2015 que determinou que fosse feita a transferência, vamos analisar e ver realmente a permanência”, ressalva o parlamentar.
A transferência da CRPM foi uma surpresa para o prefeito de Peixoto de Azevedo, Maurício do Posto (PSDB) que defende a permanência da instituição. “Fomos pegos de surpresa sobre essa possível transferência. Isso nos incomodou muito e, hoje, estamos aqui com o secretário para realmente saber o que é fato ou especulação. Ele foi bastante claro conosco que é uma situação que temos que discutir com todos os setores da segurança pública para que a gente apresente que Peixoto de Azevedo tem uma boa localização, uma questão estratégica, é uma cidade que a economia ainda é a extração mineral. São fatores importantíssimos para que este Comando permaneça no município”, esclarece o gestor executivo.
A reunião foi considerada positiva pelo presidente da Câmara Municipal, Gilmar Santos Souza (PR), devido os esclarecimentos dados por Bustamante. “Fomos muito bem recebidos pelo nosso secretário Alexandre. Não é justo, o município ficar só com o ônus e os outros municípios ficarem com o bônus. Desde quando foi para criar o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Peixoto de Azevedo de Peixoto, tivemos várias audiências e ficou acordado que estariam o Comando Regional da PM, a Politec, Delegacia Regional de Polícia Civil, e nós estamos vendo somente o bonde passar”, indigna.
Decreto – A decisão para que as atividades do CRPM sejam conduzidas em Guarantã do Norte, se deve este município estar incluído como uma das Regiões Integradas de Segurança Pública (RISP), conforme o decreto estadual de número 183/2015 que também abrange mais 14 cidades de Mato Grosso (Cuiabá, Várzea Grande, Sinop, Rondonópolis, Barra do Garças, Cárceres, Tangará da Serra, Juína, Alta Floresta, Vila Rica, Primavera do Leste, Pontes e Lacerda, Água Boa e Nova Mutum).
Essa resolução garante maior eficiência nas ações de segurança pública, em que os órgãos da categoria (polícias judiciária civil e militar, corpo de bombeiros militar e perícia oficial e identificação técnica) vão atuar dentro dos limites territoriais das RISP. Cada instituição também contará com um gestor que, de forma conjunta, vai discutir os problemas e soluções de forma integrada para o combate ao crime, com um planejamento que contempla estratégias de prevenção e de repressão com metas estabelecidas.
Estiveram também na reunião, o presidente do Conselho de Segurança (Conseg) de Peixoto de Azevedo, Edson Santos (Maguila); o presidente da Associação Comercial, Alanderson Aires; e os vereadores Alexsandro Manhaguanha (PSD) e Paulo Cezar Dendena (MDB).
Samantha dos Anjos/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos