SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI
Av. Isaac Póvoas, 927, Bairro Goiabeiras

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT

Loja Oficial - Casa Prado

Loja Oficial - Casa Prado
Camisetas, Polos, Calças, Bermudas, Sapatos e Acessórios de Qualidade na Casa Prado!

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

"ROSÁRIO OESTE: Prefeito recebeu projeto que dá piso 2020 aos Professores da rede municipal.'

O Presidente da Câmara de Rosário Oeste Vereador Carlos Cesar, juntamente com os vereadores Acácio Roberto, Ângela Godões, o representante do Sintep-MT subsede de Rosário Oeste Joildo Jovino e demais professores entregaram para o Prefeito João Balbino na manhã desta segunda-feira (17/02/2020), o Projeto de Lei que implanta o Piso 2020 aos professores da rede municipal de educação. O projeto de lei foi aprovado pelos vereadores em reunião ordinária realizada na manhã desta segunda-feira e logo na sequencia foi entregue diretamente nas mãos do prefeito João Balbino para ser homologado. A nova lei determina a aplicação imediata de piso salarial previsto na Lei Federal 11.738/2008, de forma proporcional à carga horária desempenhada pelos professores da rede municipal de educação.
Após a lei ser sancionada pelo prefeito, o piso salarial dos profissionais da rede pública de educação básica do município em inicio de carreira será reajustado em 12%, passando de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24.
Segundo o Prefeito João Balbino “apesar da crise e das dificuldades financeiras, a gestão municipal valoriza os professores e entende a importância que eles têm para a educação do município. A Prefeitura fez sacrifícios, fez cortes e enxugou a maquina. Nós fizemos o nosso dever de casa e é uma felicidade muito grande estar promovendo esse ato de justiça em razão da importância dos professores para a nossa sociedade”.
João afirmou ainda que “o valor que recebemos do Fundeb não dá pra pagar nem a metade da folha da educação. O valor que recebemos do transporte escolar não dá pra pagar o custo do transporte escolar. O que recebemos em merenda escolar não dá pra pagar nem 30% do que é gasto nas escolas. Mas, mesmo assim a gestão conseguiu se adequar e proporcionar esses serviços e o piso do magistério para os educadores”.
“Por obrigação constitucional o município tem que investir 25% dos recursos na educação. Temos a felicidade de investir em torno de 40%. Investimos muito mais do que a Lei nos obriga. É uma satisfação muito grande da gestão estar podendo proporcionar esse investimento para a sociedade. Porque investir em educação é investir na sociedade. É investir em um futuro melhor” finalizou o prefeito.
O novo reajuste de piso foi anunciado pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro e pelo Ministro da Educação, Abraham Weintraub, em transmissão ao vivo pela internet na noite de 16/01/2020.
O piso estabelecido pela chamada “Lei do Piso” (Lei 11.738) estabeleceu que piso salarial dos professores do magistério é atualizado anualmente, no mês de janeiro. A regra está em vigor desde 2009, ano em que o valor de R$ 950,00 foi o ponto de partida para o reajuste anual do salario dos educadores.

Assessoria/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos