SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI
Av. Isaac Póvoas, 927, Bairro Goiabeiras

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT

Loja Oficial - Casa Prado

Loja Oficial - Casa Prado
Camisetas, Polos, Calças, Bermudas, Sapatos e Acessórios de Qualidade na Casa Prado!

quinta-feira, 12 de março de 2020

"BARREIRAS SANITÁRIAS: MAPA adota medidas contra fechamento do Indea após intervenção do deputado Dr. Leonardo"

Uma intervenção do deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) impediu o fechamento de sete barreiras sanitárias do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT) que atendem toda divisa de Mato Grosso com a Bolívia. Nesta quarta-feira (11.03), o Secretário-executivo do Mapa, Marcos Montes Cordeiro, elogiou a atuação do parlamentar de Mato Grosso em defesa da manutenção dos postos de fiscalização na região. O Mapa anunciou uma suplementação orçamentária ao Governo de Mato Grosso visando solucionar o problema.

“É importante o ministério ser alertado em determinadas circunstâncias porque quem vive o dia a dia e vê as coisas acontecendo tem um papel fundamental. O deputado Dr. Leonardo nos procurou extremamente preocupado, nos alertando sobre o problema das barreiras nas fronteiras. Se não tomássemos medidas, a situação poderia causar um enorme prejuízo não só a Cáceres, Mato Grosso, mas a todo Brasil. Devemos tudo isso ao deputado Dr. Leonardo que nos alertou, o que proporcionou esse resultado que é bom para todos.”, explicou Marcos Montes.
Na semana passada, Dr. Leonardo informou o ministério sobre o risco de prejuízos a cidades que fazem fronteira com a Bolívia, como é o caso de Comodoro, Pontes e Lacerda, Porto Espiridião e Vila Bela da Santíssima Trindade. Atualmente, cinco dessas barreiras estão funcionando: Corixinha, Fortuna, Las Petas, Ponta do Aterro e Marphil. As barreiras de Corixa e Avião Caído estão com atividades suspensas.
Ele observou a necessidade de manter o controle efetivo do trânsito de animais, vegetais, seus produtos e subprodutos, visando proteger a sanidade animal e vegetal em todo território mato-grossense.
“Os municípios vêm se desenvolvendo como nova fronteira agrícola do Estado. O mais preocupante é o desamparo à execução da política estadual de defesa agropecuária, no que se refere à vigilância e defesa sanitária animal e vegetal, inspeção, fiscalização e classificação da produção vegetal”,
informou Dr. Leonardo em ofício.
Conforme relatou Marcos Montes nesta quarta, o deputado procurou o Mapa e, em seguida, a ministra Tereza Cristina foi informada pela equipe técnica.
“A ministra falou com o governador de Mato Grosso, que também se mostrou disposto a resolver a grave situação. Foi necessário o ministério fazer uma suplementação orçamentária para o Estado poder atender a situação. A ministra e o governador se entenderam, após o comunicado do deputado. Mato Grosso dá uma ótima demonstração de maturidade”, finalizou Montes.
Assessoria/Caminho Político
Fanpage - Facebook: Dr Leonardo
Instagram: @Drleonardomt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos