Complexo Hospitalar de Cuiabá

Complexo Hospitalar de Cuiabá
CENTRAL DE ATENDIMENTO 55 65 3051-3000

Águas Cuiabá

Águas Cuiabá
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé 78050-667 - Cuiabá / MT 0800 646 6115

Prefeitura de Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Grande
AV. CASTELO BRANCO, 2500 - CENTRO SUL, VÁRZEA GRANDE

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT

segunda-feira, 18 de maio de 2020

"PANDEMIA: Mototaxistas de MT enfrentam dificuldades na Pandemia de Covid-19"

Deputado Delegado Claudinei indicou proposições para auxiliar a categoria no período de enfrentamento do novo coronavírus. A categoria de Mototaxistas foi agraciada com três indicações de n.º 1.570/2020, n.º 1.574/2020 e n.º 1.576/2020 apresentadas em sessão plenária na Assembleia Legislativa pelo deputado estadual Delegado Claudinei (PSL). As matérias foram direcionadas ao Chefe da Casa Civil, para as Secretarias de Estado de Fazenda e de Assistência Social e Cidadania de Mato Grosso. As proposições tem a finalidade de aplicar medidas públicas que viabilizem apoio financeiro em caráter de urgência para a classe de mototaxistas por causa da pandemia de Covid-19. Também, aplicação de meios seguros por parte de gestores municipais para o retorno das atividades e o fornecimento de cestas básicas para os profissionais que prestam serviço.
“Temos aí, aproximadamente cinco mil mototaxistas cadastrados - de acordo com informações do Sindicato da categoria. Em Rondonópolis, é cerca de 750 que atuam no município. As famílias destes profissionais são atingidas diretamente. Eles precisam continuar o seu serviço e ter o sustento para a sua casa. Peço para o governo do Estado essa implementação junto aos municípios de Mato Grosso. Podemos encontrar soluções e aplicar meios para ajudá-los”, posiciona Claudinei.
Rondonópolis
O decreto de n.º 9.443/2020, publicado pela Prefeitura de Rondonópolis, dispõe sobre ações e medidas para minimizar a proliferação do novo coronavírus no âmbito do município. Nas medidas de contenção de riscos, o funcionamento do transporte urbano coletivo e serviços de mototáxi tiveram o funcionamento suspenso.
De acordo com Marcelio Ribeiro, conhecido por Marcelinho Mototaxista, no último dia 8 de maio, o prefeito reconheceu as dificuldades enfrentadas pela categoria e autorizou a retomada das atividades na cidade. “Mesmo com a liberação para trabalharmos, ainda continua difícil para todo mundo por causa desta pandemia. A sociedade não está andando de mototáxi. Agradeço a preocupação do deputado Claudinei e por ter olhar para a nossa classe, são muitas famílias que vivem do mototáxi”, esclarece.
Marcelinho conta que uma das restrições para a retomada das atividades de mototaxista é que os condutores não podem transportar idosos e pessoas de grupo de riscos, fazer o uso de máscaras e álcool em gel.
Capacete
O uso do capacete na cabeça se tornou uma das dificuldades para despertar o interesse da população pelos serviços de mototaxistas, explica o conhecido Adilson Mototaxista. “Informo para as nossas autoridades, o mototaxista transporta passageiro e este tem que por o acessório. As pessoas sumiram, porque estão cismadas em colocar o capacete na cabeça, uma vez que este vírus transmite facilmente para outras pessoas. Peço que nossas autoridades, busquem meios para indenizar estes profissionais, pois precisamos prosseguir com as nossas vidas”, acrescenta.
Aparecido Gonçalves que é mototaxista e do grupo de risco, além de não conseguir trabalhar por causa da pandemia de Codiv-19, conta que está há quase quatro meses sem trabalhar. “Uma dificuldade grande e estou no grupo de risco e não estou arriscando a minha vida. Tenho 59 anos. Estou passando o maior sufoco sem trabalho e só na garra dos vizinhos e parentes dando uma ajuda para mim”, posiciona.
Pandemia
Na última atualização do Boletim Epidemiológico do Governo do Estado de Mato Grosso, já são 901 casos confirmados de Covid-19, com 27 óbitos. Em relação ao município de Rondonópolis, já há 74 casos confirmados e dois óbitos.
Samantha dos Anjos/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos