Complexo Hospitalar de Cuiabá

Complexo Hospitalar de Cuiabá
CENTRAL DE ATENDIMENTO 55 65 3051-3000

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Prefeitura de Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Grande
AV. CASTELO BRANCO, 2500 - CENTRO SUL, VÁRZEA GRANDE

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT

segunda-feira, 15 de junho de 2020

“Cuiabá sedia workshop de procedimentos estéticos exclusivo para médicos”

Nos últimos anos, a procura por procedimentos estéticos não cirúrgicos aumentou 390%, os dados são da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). Entre os tratamentos mais procurados estão preenchimento (1º), toxina botulínica (2º), peeling (3º), laser (4º) e suspensão com fios (5º). Para a médica, dra. Aline Dalavia, “a escolha do procedimento indicado [cirúrgico ou não cirúrgico] depende da necessidade do paciente. Mais do que cuidar da beleza, o profissional é responsável por promover o bem-estar das pessoas, já que a busca pela qualidade de vida passa pela aceitação da autoimagem, boas condições físicas e emocionais”.A médica ressalta também que, “o profissional deve ser qualificado.É necessário estudar continuamente, ter domínio técnico e principalmente responsabilidade”.
Com mais de vinte cursos na área de estética e cosmiátrica, dra. Aline pontua que em Mato Grosso é difícil realizar cursos de especializações, por isso sempre precisou estudar em outros estados.
Formada pela Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro, e Farmacêutica pela Universidade de Cuiabá – UNIC, dra. Aline elaborou o curso “Hands On”.
“A ideia surgiu por ver a dificuldade de vários colegas, em ter que se deslocar, e os gastos extras que ocorrem com o deslocamento da viagem. Nas aulas vamos ensinar desde o básico da diluição até os pontos avançados de aplicação e suas complicações, vamos abordar a teoria, mas focaremos na prática, cada aluno após a aplicação no boneco, tem um paciente modelo”, afirma.
Dalavia acrescenta que, o curso tem vagas limitadas e deve respeitar as regras da Organização Mundial de Saúde (OMS). “Cada aluno terá o seu local de estudo, com distanciamento, além dos protetores faciais, uso de luvas e álcool em gel”.
O curso será realizado no dia 18 deste mês, e entre os temas abordados estão: tipos de toxina (botox, botulift e dysport), mecanismos de ação, sorriso gengival, hiperidrose e muito mais.
Mais informações pelo telefone: (66) 99964-8003 ou acesse o site: https://draalinedalavia.com.br/
Stephanie Romero/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos