TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19

TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

MPF em Cuiabá

MPF em Cuiabá
Av. Miguel Sutil, nº 1.120, Esquina Rua J. Márcio (R. Nestelaus Devuisky) Bairro Jardim Primavera

domingo, 28 de junho de 2020

"VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: Max Russi reforça pedido; Bustamante acredita que “BO” on-line logo vire realidade"

Visualização da imagemSecretário de Segurança Pública assegura tratativas e confia que Polícia Judiciária Civil logo poderá disponibilizar novo recurso. O secretário de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp-MT), Alexandre Bustamante, acredita que a Polícia Judiciária Civil logo poderá disponibilizar o boletim de ocorrência on-line para mulheres vítimas de violência doméstica. O pedido, feito pelo deputado Max Russi (PSB) no mês de abril, foi reforçado pelo parlamentar nesta quarta-feira (25). Bustamante assegurou que reforçou as tratativas, para que a nova ferramenta logo seja colocada em prática.
“É uma demanda social muito grande. A gente vai passar para a manifestação da Polícia Judiciária Civil e eu acredito que essa demanda será atendida”, garantiu.
A indicação nº 1523/2020 do deputado Max Russi é atribuída ao elevado número de casos registrados no período de confinamento, em virtude do enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.
Atualmente a Delegacia Virtual de Mato Grosso permite apenas o registro de ocorrências de extravio/furto, denuncia, exercício ilegal da profissão, desaparecimento de pessoas, calúnia, difamação, injúria, ameaça, constrangimento e violação de domicílio.
Após reforçar a cobrança com o secretário, o parlamentar disse que está otimista com os encaminhamentos. Ele esclareceu que a intenção da proposta não é impossibilitar as denúncias presenciais, mas sim criar uma alternativa a mais de combate a esse tipo de crime.
“Essa é uma ação importante, ainda mais nos tempos de enfrentamento à Covid-19, onde uma das principais medidas é o isolamento social. O crescimento dos casos é real e nós precisamos colocar em prática esse novo recurso em nosso estado, disponibilizar às mulheres esse instrumento de denúncia, afastando assim a necessidade de deslocamento das vítimas a uma delegacia”, argumentou  
Max reforçou ainda que em São Paulo o boletim on line já está prática e acredita que a implementação dessa rede de atendimento em Mato Grosso é mais do que necessária. “Podemos, desta forma, estender acolhimento, através de nossa área de segurança, às vítimas que tanto precisam”, complementou.
Assessoria/Caminho Político
Caminho Politico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos