SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

sexta-feira, 24 de julho de 2020

MOÇÃO: Deputado Claudinei apresenta Moção de Pesar para escrivão da PJC-MT "

O parlamentar lamentou o falecimento de Celso Ferreira, vítima da Covid-19, que atuava na 1° Delegacia de Tangará da Serra. Durante sessão plenária, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL), em reconhecimento ao trabalho dos profissionais da segurança pública de Mato Grosso, principalmente como linha de frente ao enfrentamento e combate à Covid-19 - apresentou Moção de Pesar de n.º 690/2020, para o escrivão da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso (PJC-MT), Celso Luiz Ferreira, 58, que faleceu vítima do novo coronavírus.
Por 18 anos, o servidor público dedicou a sua carreira profissionais para a segurança pública – em que estava lotado na 1ª Delegacia de Polícia de Tangará da Serra (MT). “Na realidade, ele era a base da família. Ele foi um servidor que estava atuando de frente. Ele não parou de trabalhar, pois era muito dedicado. Ele amava o serviço dele. O tempo todo estava ligado ao trabalho. Tudo que fazia era com carinho. Era uma pessoa especial e muito bom. Um grande orgulho para nós, amigos e família”, lembra a esposa Andreia Ribeiro do Nascimento que também foi testada com a Covid-19, mas se recuperou da doença.
Claudinei lamentou a morte deste servidor que é mais uma vítima da Covid-19 que, por muitos anos, serviu à sociedade. “É neste momento que temos que ter um olhar especial aos profissionais da segurança pública, como, também, da saúde, que são frente ao enfrentamento à Covid-19, em que arriscam as suas vidas para atender a população. Por isso, busco sempre o apoio do governo estadual para conceder toda a assistência necessária para estes servidores, como os testes e equipamentos de proteção individual, os chamados EPIs. Lamento essa perda, meus sentimentos aos amigos e familiares”, declara o parlamentar.
Comorbidades - Andreia conta que o marido fumou por muitos anos e, somente, nos últimos quatro anos, largou o tabagismo e o consumo de bebidas alcoólicas. “Eu acredito que a vida foi mudando os comportamentos dele. Ele era da religião Batista. Aos poucos foi parando de mexer com estes vícios. Mas, o pulmão dele já tinha problemas, era fraquinho devido os anos que fumou. Acredito que foram uns 40 anos”, relata a viúva que acredita que estes vícios contribuíram para acelerar o agravamento do marido após ter sido infectado.
Além da esposa, Celso Ferreira deixou quatro filhos e seis netos de casamentos anteriores.
Samantha dos Anjos/Caminho Político
Caminho Politico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos