SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI
Av. Isaac Póvoas, 927, Bairro Goiabeiras

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

"Braço Forte do Campo da Cidade e da Forquilha do Manso! Vereador Tito da Forquilha 14.123"

"Braço Forte do Campo da Cidade e da Forquilha do Manso! Vereador Tito da Forquilha 14.123"
"Juntos Somos Mais Fortes

segunda-feira, 21 de setembro de 2020

"Projeto PET SAÚDE cria revista em quadrinhos sobre Covid-19 e distribuirá para crianças atendidas pela Assistência Social"

A pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19) afetou profundamente a vida das pessoas em geral, ocasionando grandes mudanças na rotina das famílias. As crianças, principalmente, estão sentindo bastante as mudanças e muitas sofrem por não entender o porquê de não poderem realizar suas tarefas rotineiras, como ir para escola, brincar com os amiguinhos, e até mesmo visitar os avós.
Pensando nisso, o PET SAÚDE – Programa do Ministério da Saúde e executado em Cuiabá pela Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá e Universidade Federal de Mato Grosso - está desenvolvendo materiais lúdicos com linguagem de fácil entendimento, para que crianças e adolescentes e suas famílias tenham uma melhor compreensão do momento atual, da necessidade do distanciamento social, das medidas de prevenção e restrições necessárias para prevenção da infecção pela Covid-19. A atividade é desenvolvida por meio do Sub Grupo que trabalha a temática da Saúde da Criança e do Adolescente.
Um dos materiais desenvolvidos pelo PET SAÚDE foi o site “Guardiões da Saúde – Combate ao Coronavírus” (https://osguardioesdasaude.com.br/), que disponibilizou diversos materiais para o público infantil. Uma dessas produções foi uma história em quadrinhos (HQ), que aborda as medidas de prevenção como lavagem das mãos, uso de máscara o distanciamento social e sua importância. Mais de 2500 crianças e jovens receberão o material, de forma impressa ou digital.
“Houve uma preocupação de fazer o material impresso para crianças que têm dificuldade de acesso à internet, mas também temos uma versão digital. Foi criado um site que se chama Os Guardiães da Saúde. Nele tem, além da revista em quadrinhos, uma cartilha que fala sobre criança e adolescente, e bastante material voltado a esse grupo. Quem quiser reproduzir esse material digital, tem autorização, pois contém todo o crédito nele”, explicou Silvana Barboza dos Santos, coordenadora do PET na SMS.
Na última semana, os exemplares da revista em quadrinhos foram entregues para a secretária municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Hellen Ferreira, que disse que o material será distribuído para todas as crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento do Vínculo, das 14 unidades de CRAS, e também para as meninas do Programa Siminina.
“A revistinha tem uma linguagem de fácil interpretação. Chegou em um momento de extrema valia, pois quem mais se preocupa e quer entender a situação são as crianças. É muito valioso para nós conseguirmos explicar a importância desse momento para que as crianças entendam o motivo do isolamento social, de não terem aula, de não poderem sair, entre outras situações. Esse material é muito importante e vai ser de grande ajuda para muitas famílias, principalmente para aquelas em situação de mais vulnerabilidade, que tem alguma dificuldade de entendimento, até para poderem explicar isso para a criança”, comentou a secretária.
Marcus Mizoguchi, professor de Educação Física da UFMT e coordenador do projeto, ficou muito satisfeito em saber que o material será bem utilizado pelo público para o qual foi destinado. “Esse material surgiu primeiro com o nosso grupo da criança e do adolescente – Grupo PET Interprofissional e foi criado com os acadêmicos de diferentes cursos da UFMT, com os professores e os preceptores, que fazem parte do nosso subgrupo. Houve a necessidade de a gente montar esse material por conta da pandemia justamente para instruir as crianças. Estamos felizes em saber que as revistas vão ajudar no entendimento deste momento difícil em que estamos passando”, concluiu.
Assessoria/Caminho Político
Fotos: Gustavo Duarte
Caminho Politico #caminhopolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos