SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

sábado, 10 de outubro de 2020

"Em visita ao interior, Nilson Leitão reforça oposição ao PT"

Com o intuito de visitar os diferentes municípios do interior mato-grossense, Nilson Leitão (PSDB) está em viagem para divulgar suas propostas de campanha para o Senado Federal. Nesta semana ele percorre as cidades de Juína, Aripuanã, Tangará da Serra e Barra do Bugres. Na semana passada esteve no Nortão e até o fim da campanha eleitoral, deve visitar mais 26 localidades.
Um dos pontos importantes nas falas de Leitão é que ele se mostra como um forte opositor ao Partido dos Trabalhadores, que deixou o comando do país em 2016 após impeachment. Ele relembra que o pontapé inicial para a retirada do PT do poder veio com uma iniciativa sua, pois foi um dos primeiros deputados federais a pedir o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. Nilson se considera alguém que não fica em cima do muro e não tem medo de escolher quais lutas travar.
"Eu liderei o impeachment, fui líder da oposição contra o PT. Eu não fui mais um deputadinho, fui líder. Subia na tribuna e dizia 'o caminho é por ali'. O impeachment abriu a porta para a ascensão do presidente Bolsonaro. Se não tivéssemos o impeachment, não teríamos o Brasil de hoje. Foi uma luta que eu precisei abrir mão do estado na época. Passava o final de semana em Brasília, virando noite, virando dia, para construir o impeachment com, no máximo, 30 deputados. Depois da onça morta todo mundo foi tirar fotografia", avalia.
Com a mesma dedicação em que ele conseguiu o impeachment, Nilson Leitão pretende lutar por Mato Grosso por inteiro. Ele reconhece que ainda que cada município tenha sua particularidade, todos têm problemas e é preciso trabalhar conjuntamente para resolvê-los. "As nossas dores são as mesmas. Em quase todas as áreas. Cada um com as suas diferenças, as suas peculiaridades, mas o sofrimento é o mesmo. Eu gosto do que faço, atuo com dedicação, transparência. Eu escolho lado, eu tenho lado. Eu não fico em cima do muro em tema nenhum. Eu tenho coragem de enfrentá-los", afirma.
Coligação “Mato Grosso por Inteiro” - PSDB / DEM / PL / PTC - CNPJ: 38.731.179/0001-20. Nilson Leitão. Suplentes Júlio Campos e José Márcio Lopes Guedes. Propaganda eleitoral.
Foto: Edson Rodrigues/Caminho Político

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos