SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

Pacientes notificados da Covid-19 são monitorados por ligação telefônica ou visitas domiciliares

Objetivo é acompanhar evolução dos sintomas e orientar sobre cuidados necessários durante o isolamento.
Pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19 que buscaram atendimento nas unidades de atenção básica de saúde de Cuiabá e estão em isolamento domiciliar estão sendo monitorados por ligações telefônicas ou visitas para acompanhamento da evolução do quadro da doença, além de orientações quanto à forma correta de manter o isolamento social, uso de medicamentos, necessidade de buscar novamente a unidade de saúde.
Este serviço é realizado desde o início da pandemia na capital mato-grossense pela Diretoria de Atenção Básica juntamente com a Vigilância Sanitária do Município. O telemonitoramento é feito por profissionais da saúde de nível superior (médicos, enfermeiros, nutricionistas, odontólogos, fisioterapeutas). Eles telefonam para os pacientes notificados e questionam se a pessoa está seguindo o isolamento, tomando os medicamentos prescritos pelo médico, se realizou exames, quais os sintomas está sentindo. Diante dessas informações, o profissional avalia a necessidade de o paciente buscar uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou policlínica para receber atendimento imediato.
Quando não é possível localizar a pessoa por telefone ou caso a equipe de saúde julgue necessário, é feita a visita domiciliar por parte do agente comunitário de saúde, que também vai levantar as mesmas informações. Desde o início da pandemia em Cuiabá, mais de 6,5 mil pessoas já foram monitoradas. Neste mês de dezembro, 107 pacientes estão recebendo este acompanhamento, dentre os 139 casos notificados no mês.
A coordenadora da Atenção Básica em Saúde de Cuiabá, Jacqueline Miliosi, explica que esse serviço é destinado aos pacientes com quadro leve da Covid-19, suspeitos ou confirmados, que estejam em isolamento domiciliar. As ligações são feitas geralmente a cada dois dias, durante as duas semanas de isolamento a que o paciente é submetido. Conforme Miliosi, é um trabalho que tem surtido resultados positivos pois possibilita à Secretaria Municipal de Saúde ter informações detalhadas sobre os casos, permitindo agir de forma rápida em casos de piora do paciente e até mesmo de conceder alta, evitar idas desnecessárias às unidades de saúde e, dessa forma, evitar filas e possíveis contaminações.
"A importância desse monitoramento é a gente fazer uma intervenção mais rápida, se o paciente piorar. Porque se a gente vê que o paciente que está em casa não está bem, está conversando com você, mas está sentindo que ele está com falta de ar, que ele está com dificuldade de falar, imediatamente, a gente já orienta ele. Às vezes, até chama alguém que esteja perto para que leve a uma UPA ou policlínica. E a gente também leva tranquilidade ao paciente, quando vê que ele está bem e está evoluindo bem”, afirma Jacqueline Miliosi.
Ela destaca ainda o efeito positivo sobre o aspecto emocional e psicológico dos pacientes, que encontram no monitoramento dos profissionais de saúde um suporte neste momento difícil de pandemia. “As pessoas seguem direitinho [as recomendações]. Tem pacientes que se apegam muito ao monitor, choram, pedem ajuda... É uma história”, comenta.
Atualmente, os telemonitoramentos são feitos por profissionais de saúde divididos em 13 unidades polo distribuídos em Cuiabá. Em breve, esse serviço será ampliado para todas as unidades da atenção primárias (UBS, USF e centros de saúde), graças à aquisição de mais de 100 aparelhos celulares para uso exclusivo dessa plataforma.
Assessoria/Caminho Político
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos