SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

NOTA DE PESAR: Que o exemplo dos que perderam a batalha nos dê força para vencer a guerra contra a Covid-19

Ao longo de 44 anos na vida política, ele foi vereador, deputado estadual, deputado federal, vice-governador, governador, senador e prefeito.
Com profundo pesar e angústia recebi, nesta manhã, a notícia do falecimento do prefeito licenciado de Goiânia, Maguito Vilela, meu correligionário no Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido do qual ele era um dos pilares, tendo participado desde a sua fundação, ainda na época da antiga Arena, e atuado ativamente em prol da redemocratização do Brasil.
Juntamente com o nosso partido e com o povo de Goiás, Maguito Vilela escreveu uma trajetória linda e de sucesso, sempre em prol dos mais carentes. Quando governador, na década de 1990, ele criou importantes programas sociais, com distribuição de cestas básicas para desempregados, entrega diária de pão e leite para famílias com crianças, isenção nas contas de água e luz para os mais vulneráveis e a criação do programa Luz no Campo para as comunidades rurais. Entre 2008 e 2012, quando prefeito de Aparecida de Goiânia, ele continuou na mesma linha de atuação, pensando na sua gente, investindo em pavimentação dos bairros periféricos e ali construindo centros de educação infantil e implantando unidades básicas de saúde.
Ao longo de 44 anos na vida política, ele foi vereador, deputado estadual, deputado federal, vice-governador, governador, senador, vice-presidente do Banco do Brasil, prefeito de Aparecida de Goiânia e prefeito licenciado de Goiânia, cargo para o qual venceu as eleições de 2020 em plena pandemia, chegando a se infectar com a Covid-19 em outubro. Infelizmente, Maguito não teve a oportunidade de votar nele mesmo, nem no primeiro e nem no segundo turno, e tomou posse de forma virtual, já curado da Covid-19, mas ainda se tratando de uma infecção no pulmão, gerada em decorrência da doença anterior. Deixou esposa, 4 filhos, uma enteada e quatro netos, a quem presto as minhas sinceras condolências.
Tudo isso me faz pensar na fragilidade e singularidade da vida e refletir sobre o que podemos tomar como lição e exemplo para nossas próprias condutas. Maguito com certeza foi um homem público admirável, que deixa um legado inestimável de serviços prestados à população goiana e brasileira.
Enquanto prefeito de Cuiabá, luto diariamente para combater esta pandemia que já assolou e tem assolado tantas famílias que perderam entes queridos ou sofrem com a angústia da internação em um leito de hospital. Sei que esta luta é de todos os prefeitos e governantes de todo o país e de todo o mundo. A responsabilidade é tremenda e muito já foi feito para enfrentar essa doença e seus reflexos na economia e na saúde coletiva.
Como prefeito, cidadão, pai, marido, filho, só posso dizer que não medirei esforços para honrar a memória de todos aqueles que perderam a batalha para o coronavírus e garantir que nossa população tenha o suporte da Prefeitura de Cuiabá para, juntos, chegarmos ao fim desta guerra pela vida.
Assessoria/Caminho Político
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos