Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Seu título está na mão

Seu título está na mão
1º Título de Eleitor Decreto nº 3.029 - 9.1.1881

Assembleia Legislativa de Mato Grosso

Assembleia Legislativa de Mato Grosso
Seja bem-vindo ao perfil oficial da Assembleia Legislativa de Mato Grosso!

domingo, 24 de outubro de 2021

CCJ aprova projeto que cria a Campanha Junho Verde

A Comissão de
Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 1070/21, que institui o Junho Verde, com ações de conscientização sobre a importância da conservação dos ecossistemas e dos seres vivos, além do controle da poluição e da degradação de recursos naturais. O texto aprovado é o substitutivo da deputada Angela Amin (PP-SC), que une a proposta do Senado a outro projeto da Câmara sobre o mesmo tema (PL 2257/20). As proposições alteram a lei que estabeleceu a Política Nacional de Educação Ambiental (Lei 9795/99).
Pela proposta, a campanha do Junho Verde vai englobar o Poder Público nas esferas federal, estadual, distrital e municipal. Será feita em parceria com escolas, universidades, empresas públicas e privadas, igrejas, comércio, entidades da sociedade civil, comunidades tradicionais e populações indígenas.
O deputado Ricardo Izar (PP-SP), relator da proposta na Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara onde o projeto já foi aprovado, salienta que o texto reforça o espaço para a democratização do debate ambiental.
Ele lembra que, desde 1972, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o 5 de junho como Dia Mundial do Meio Ambiente e que neste período, no Brasil, são promovidas atividades de conscientização na Semana do Meio Ambiente.
Divulgação e educação
A proposta sugere ações como a divulgação de informações sobre o estado de conservação de florestas e biomas brasileiros e de formas como a sociedade pode contribuir na preservação. Outra recomendação é a sensibilização para a redução de padrões de consumo, a reutilização de materiais e a separação de resíduos sólidos.
A campanha do Junho Verde deve incluir ainda a divulgação da legislação ambiental e debates sobre economia de baixo carbono, mudanças climáticas, além do estímulo ao turismo sustentável.
Também devem ser promovidos projetos educacionais relacionados à biodiversidade, incluindo ações nas unidades de conservação onde é permitido receber visitantes.
As atividades devem ser balizadas pelo conceito de Ecologia Integral, que leva em consideração as dimensões humanas e sociais nas discussões dos desafios ambientais.
Tramitação
A proposta ainda precisa ser votada pelo plenário da Câmara.
Assessoria/Caminho Político
Reportagem – Cláudio Ferreira
Edição – Natalia Doederlein
Foto: Najara Araujo
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos