PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
Prefeitura publica novo decreto e mantém fiscalização rígida contra pandemia Várzea Grande vacina Guarda Municipal e forças de segurança e vai abrir cadastro para idosos acima de 60 anos Várzea Grande e Assembleia Legislativa vão abrir novos pontos de vacinação Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

HOSPITAL H•BENTO

HOSPITAL H•BENTO
Av. Dom Aquino, 355 • Centro, 78015-200 • Cuiabá - MT

Hospital Estadual Santa Casa

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

terça-feira, 5 de outubro de 2021

ESPORTES: Projeto de lei libera até 100% do público nos estádios de futebol em MT

Entrada de torcedores é condicionada a exibição de testes negativos e cartão de vacinação. O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) é o autor de um projeto de lei que autoriza o retorno do público aos estádios de futebol em Mato Grosso em até 100% a partir de novembro. A proposta altera trechos da lei vigente 11.483/2021 publicada em agosto deste ano no Diário Oficial do Estado (DOE) e que trata do retorno gradual aos estádios de futebol.
Pela proposta do parlamentar, o retorno do público será de 50% da capacidade total do estádio em outubro e de 100% a partir de novembro.
A entrada no estádio de futebol ficará condicionada a exibição pelo torcedor de exames salivar ou nasal que atestem negativo para o novo coronavírus desde que realizado até 24 horas antes do evento esportivo.
Ainda permanece a regra de exibição do cartão de vacina a todos aqueles que já foram imunizados.
Para justificar o projeto, o deputado Wilson Santos diz que outros Estados do país já avançam com a proposta de retorno aos estádios de futebol, diante do avanço da vacinação contra o novo coronavírus.
"O Ministério da Saúde aprovou um estudo da Confederação Brasileiro de Futebol (CBF) que possibilita a volta do torcedor aos estádios e arenas de futebol em meio à pandemia de COVID-19. Em São Paulo, o retorno do público já foi planejado para ser liberado gradualmente. Em 15 de outubro será permitida 50% da capacidade das arenas e, em 1º de novembro, 100%. Mesmo com a liberação, as normas sanitárias e de prevenção contra a covid-19 deverão ser cumpridas à risca. Em Mato Grosso, a ideia é seguir o mesmo parâmetro", afirma.
Em decreto publicado no Diário Oficial do Estado na segunda-feira (4), o governador Mauro Mendes suspendeu as medidas de restrição social adotadas em decorrência da pandemia do coronavírus reconhecido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em março de 2020.
Em Mato Grosso, passou a vigorar apenas a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção facial nos ambientes públicos e privados. A exigência deverá ser cumprida até pelos cidadãos que já foram vacinados.
Foi liberado a realização de eventos em ambientes fechados como shows em boates e casas de eventos sem restrição de público.
Os estabelecimentos comerciais também estão autorizados a funcionar sem restrições de dias ou horários e não há necessidade de adoção do “toque de recolher” nos municípios.
O governador ressaltou que o decreto considerou a melhora nos números da pandemia em Mato Grosso, principalmente, sobretudo, a queda do registro de mortes em decorrência da doença.
Ainda foi ressaltado a redução das taxas de ocupação de leitos de UTI (Unidades de Terapia Intensiva) e de enfermarias, bem como a ampliação da vacinação.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @coweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos