Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Seu título está na mão

Seu título está na mão
1º Título de Eleitor Decreto nº 3.029 - 9.1.1881

CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ

CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT

segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Professores devem ter cuidado com a saúde vocal

O professor é o profissional responsável pelo início de nossa formação, dedicando sua vida à transmissão do conhecimento, desenvolvimento e ao desenvolvimento da educação.
Tendo em vista que a voz é algo essencial para a sua comunicação, mantê-la saudável melhora as relações interpessoais e também mantém sua atuação profissional no mercado de trabalho. Com nossa voz é possível transmitir muito da nossa personalidade, bem como é viável expressarmos o que queremos e o que sentimos. E como fonoaudióloga, cito alguns cuidados que irão contribuir para uma saudável voz e evitar que determinados problemas surjam.
Coma maçã: é uma fruta que tem função adstringente, “limpando a garganta”;
Evite café em excesso: o alto teor de cafeína e a temperatura elevada podem desidratar as cordas vocais, provocando aumento de acidez no estômago e favorecendo o aparecimento do refluxo;
Evite levantar a voz: procure não gritar, falar muito alto ou cantar durante muito tempo. Tenha períodos de descanso vocal, evitando com isso, uma fadiga muscular. Usar a voz seguidamente durante muito tempo pode levar a uma fadiga muscular. Ao falar, não concentre a força no pescoço, pois é esta força cervical que compromete o aparelho fonador;
Beba álcool com moderação: ele tem um efeito anestésico, sentimos nossas pregas vocais “amortecidas” e não conseguimos ter o domínio do esforço, causando um grande desgaste nas cordas vocais, além, de irritar as vias respiratórias;
Evite o pigarro: para compensar a necessidade de tossir ou pigarrear forte, beba água ou degluta algumas vezes;
Tome bastante líquido: em temperatura ambiente, a hidratação, em média de dois litros de água por dia, é fundamental para cuidar das pregas vocais. O ideal é ingerir uma média de dois litros de água por dia, ou um copo de água a cada duas horas. Evite líquidos muito gelados;
Evite gritos ou sussurros: ao fazer isso, é necessário um esforço muito maior que pode levar a alterações nas cordas vocais como o aparecimento de nódulos;
Boceje: ao fazer isso, pode diminuir a tensão da região do pescoço e dos ombros. Aproveite a hora do banho e faça alguns exercícios movimentando os ombros e o pescoço na água morna;
Articule bem as palavras: articular bem a boca ao conversar facilita que os outros entendam o que você quer dizer e evita que você tenha que repetir, falar mais alto ou gritar para conversar;
Preste atenção na sua respiração: a respiração nasal é a mais saudável. Problemas respiratórios facilitam a respiração bucal e com isso a garganta fica mais ressecada e fazemos um esforço maior para falar e respirar;
Cuidado com a azia e má digestão: evite alimentos que te causam azia e má-digestão. Mantenha uma alimentação equilibrada, sem ficar muitas horas em jejum e mastigar bem os alimentos.
Com nossa voz é possível transmitir muito da nossa personalidade, bem como é viável expressarmos o que queremos e o que sentimos. Passar um dia rouco já é o suficiente para perceber o quanto a voz é importante para todos nós. Por meio dela, conseguimos comunicar nossos pensamentos e emoções, além de revelarmos muito da nossa personalidade.
Cuidar da voz é uma questão de condicionamento físico. Ela é vital para nosso relacionamento. O ideal é prestar atenção nos sinais que a voz nos dá. Ficar rouco com frequência, sentir dor, dificuldade na hora de falar ou viver com a garganta coçando são sinais de que algo não está bem.
Aos nossos eternos mestres, nossa admiração, reconhecimento, respeito e saúde vocal!
Vanessa Moraes, fonoaudióloga e audiologista
@fonovanessacmoraes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos