PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
Prefeitura publica novo decreto e mantém fiscalização rígida contra pandemia Várzea Grande vacina Guarda Municipal e forças de segurança e vai abrir cadastro para idosos acima de 60 anos Várzea Grande e Assembleia Legislativa vão abrir novos pontos de vacinação Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

HOSPITAL H•BENTO

HOSPITAL H•BENTO
Av. Dom Aquino, 355 • Centro, 78015-200 • Cuiabá - MT

Hospital Estadual Santa Casa

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

sexta-feira, 12 de novembro de 2021

Stopa recebe estudo que identifica e mitiga impactos ambientais da implantação da Ferrovia Vicente Vuolo

A previsão é de que em 2025 o trecho entre Cuiabá e Rondonópolis já esteja em operação. O prefeito em exercício José Roberto Stopa recebeu na quarta-feira (10), da Rumo Logística, o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) do projeto de implantação da Ferrovia Estadual Sen. Vicente Emílio Vuolo, em Cuiabá. O encontro com representantes da empresa foi articulado pelo secretário municipal de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico e também presidente do Fórum Pró-Ferrovia, Francisco Voulo.
O estudo de impacto é uma importante ferramenta utilizada para avaliar as possíveis interferências, antecipando e criando medidas mitigadoras e de controle ambiental. A realização do EIA está amparada na Política Nacional do Meio Ambiente (Lei 6.938/81) e leva em consideração o fato de que todas as ações e execuções de obras, principalmente de grande porte, resultam em consequências para o meio ambiente.
“A construção da Ferrovia Vicente Vuolo é uma das melhores coisas que poderia acontecer em Cuiabá. É um transporte sustentável, que colabora com o meio ambiente e, ao mesmo tempo, potencializa o escoamento da produção agropecuária. Com toda certeza, estaríamos hoje em um contexto econômico muito melhor, caso os investimentos na implantação de ferrovias fossem maiores”, comentou o prefeito em exercício.
Conforme o projeto elaborado pela Rumo Logística, serão implantados cerca de 730 quilômetros de linha férrea, ligando Cuiabá a Rondonópolis e ainda passando por municípios como Nova Mutum e Lucas do Rio Verde. Estão previstas também a conexão dos trilhos com a malha ferroviária nacional (Porto de Santos) e a construção de pelo menos três terminais, sendo um na capital mato-grossense.
De acordo com o cronograma, as obras serão iniciadas em 2022 e o inicio da operação do trecho entre Cuiabá e Rondonópolis deve ocorrer no ano de 2025. “É um sonho de mais de 40 anos que estamos tendo o prazer de acompanhar sua realização. Cuiabá está crescendo e a chegada da ferrovia vai dar sua colaboração. Novos empregos serão criados, geração de renda e todo o foco industrial voltado para nossa cidade”, pontuou Francisco Vuolo.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos