Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Mixto Esporte Clube

Mixto Esporte Clube
Nas origens do Mixto uma mescla de cultura, tradições regionais e esportes praticados por homens e mulheres.

Prefeitura Municipal de Rondonópolis

Prefeitura Municipal de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022

domingo, 5 de dezembro de 2021

Rio de Janeiro cancela réveillon devido à pandemia

"Respeitamos a ciência", diz o prefeito Eduardo Paes ao anunciar a decisão. Diante da nova variante ômicron e da alta de casos de covid na Europa, mais de 20 capitais brasileiras já cancelaram as celebrações de Ano Novo. Devido à pandemia de covid-19, o Rio de Janeiro ficará sem suas tradicionais comemorações de réveillon em Copacabana e em outras partes da cidade neste ano. O prefeito Eduardo Paes anunciou neste sábado (04/12) o cancelamento das festas.
"Respeitamos a ciência", afirmou o prefeito ao comunicar a decisão no Twitter
Ele apontou que, diante de opiniões divergentes entre os comitês científicos municipal e estadual, a cidade optou pela mais restritiva. "O Comitê da prefeitura diz que pode. O do Estado diz que não. Então não pode. Vamos cancelar dessa forma a celebração oficial do réveillon do Rio."
"TWITTER: Eduardo Paes - @eduardopaes - Respeitamos a ciência. Como são opiniões divergentes entre comitês científicos, vamos sempre ficar com a mais restritiva. O Comitê da prefeitura diz que pode. O do Estado diz que não. Então não pode. Vamos cancelar dessa forma a celebração oficial do réveillon do Rio.1/2 6:08 AM · Dec 4, 2021
"Tomo a decisão com tristeza, mas não temos como organizar a celebração sem a garantia de todas as autoridades sanitárias", afirmou. "Espero poder estar em Copacabana abraçando a todos na passagem de 22 para 23. Vai fazer falta, mas o importante é que sigamos vacinando e salvando vidas."
Segundo o jornal O Globo, apesar da orientação do Comitê Científico da Secretaria de Estado de Saúde (SES), nem todas as prefeituras fluminenses já tomaram uma decisão sobre o réveillon.
Variante ômicron preocupa
A principal preocupação de autoridades é em relação à nova variante ômicron do coronavírus, sobre a qual ainda não há muitos dados científicos disponíveis, mas que aparentemente é bem mais contagiosa.
A nova cepa do vírus foi notificada à Organização Mundial da Saúde (OMS) pela pela África do Sul no dia 24 de novembro, e, por conter mais de 30 mutações, foi classificada pela agência da ONU com "variante de preocupação".
Até este sábado, seis casos da ômicron já foram confirmados no Brasil, em São Paulo, no Distrito Federal e no Rio Grande Sul.
Após um caso suspeito no Rio, que acabou descartado, a prefeitura carioca ampliou a exigência de comprovante de vacinação contra covid-19 para o acesso a espaços fechados de estabelecimentos como hotéis, bares e lanchonetes.
Diante da nova variante e da alta de casos de covid-19 registrada nas últimas semanas na Europa, mais de 20 capitais brasileiras já cancelaram suas festas de Ano Novo, incluindo São Paulo, que ficará sem a icônica celebração na Avenida Paulista. Florianópolis, Recife, Belo Horizonte e Salvador também estão entre as que adotaram a medida.
"Sei da importância do evento para a economia da nossa cidade, mas seguimos colocando a vida das pessoas em primeiro lugar", escreveu o prefeito de Salvador, Bruno Reis, ao anunciar o cancelamento.
lf (AFP, ots)cp
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos