Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, Cuiabá, 78005-906

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

quinta-feira, 31 de março de 2022

Dr. Leonardo articula com governador solução para Hospital São Luiz: "60 mil pessoas precisam do nosso cuidado"

Único deputado federal da Região Oeste de Mato Grosso, o médico Dr. Leonardo (Republicanos) articula com o governador Mauro Mendes (União Brasil) uma solução para o impasse envolvendo o Hospital São Luiz de Cáceres, para que os serviços prestados à população não sejam interrompidos.
“Temos 60 mil vidas em jogo. São famílias que precisam do nosso cuidado, apoio e trabalho em conjunto em busca de uma solução democrática e justa”, disse o coordenador da Bancada Federal de Mato Grosso. Em conversa com o governador, o deputado Dr. Leonardo alertou que a população da região poderá ser penalizada caso o hospital tenha 100% do atendimento apenas pelo SUS. Isso porque, essa mudança obrigaria os pacientes a se deslocarem por rodovia para a capital Cuiabá, para buscar atendimentos particulares e por convênios.
“O decreto da intervenção administrativa do Estado é uma decisão que precisa ser revista, pois pode gerar um impacto sobre a população cacerense e de toda a nossa região. Por isso, apresentamos a nossa preocupação ao governador", declarou o deputado. "Sugerimos um modelo que possa conciliar os atendimentos do SUS e os particulares e de convênios de maneira harmônica”, completou o deputado Dr. Leonardo.
O Hospital São Luiz conta com 158 leitos, dos quais 108 são credenciados pelo SUS. O hospital é uma referência para os municípios da região em atendimentos ambulatoriais, clínica geral, internações de cirurgia geral, ginecologia, obstetrícia clínica e cirúrgica, pediatria clínica, pneumologia e em UTI adulto e neonatal.
Articulação política
Agindo rapidamente, o coordenador da Bancada Federal afirmou que essa preocupação quanto à possível penalização da população foi levada ao governador Mauro Mendes, à Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa e para a Prefeitura Municipal de Cáceres.
“Como médico, eu entendo que a melhor maneira para resolvermos isso é por meio do diálogo aberto, respeitando a opinião dos profissionais da área da saúde que conhecem bem a realidade regional da nossa região, e sabem dos desafios para atender aos pacientes com serviços de qualidade, evitando grandes deslocamentos para a capital”, ponderou o deputado.
O deputado Dr. Leonardo destacou ainda que recebeu do governador Mauro Mendes uma sinalização positiva para o diálogo. “O governador foi bem receptivo e disse que irá buscar uma solução jurídica razoável. A Procuradoria do Estado já foi acionada. Queremos uma solução rápida para isso, pois não podemos prejudicar 60 mil pacientes que dependem dos atendimentos particulares e por convênios”, disse o deputado.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb
Fanpage - Facebook: Dr Leonardo
Instagram: @Drleonardomt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos