Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Seu título está na mão

Seu título está na mão
1º Título de Eleitor Decreto nº 3.029 - 9.1.1881

Assembleia Legislativa de Mato Grosso

Assembleia Legislativa de Mato Grosso
Seja bem-vindo ao perfil oficial da Assembleia Legislativa de Mato Grosso!

sexta-feira, 18 de março de 2022

RECURSOS: Deputado Claudinei celebra o repasse de R$ 500 mil do duodécimo à APOR de Rondonópolis

A Assembleia Legislativa indicou R$ 1 milhão do duodécimo, sendo que metade será para o custeio e o restante ao projeto construtivo da Associação. A Associação dos Pacientes Oncológicos de Rondonópolis (APOR) recebeu o valor parcial de R$ 500 mil da Secretaria de Saúde de Mato Grosso (SES), nesta última terça-feira (15), referente a articulação que o deputado estadual Delegado Claudinei (PL) havia feito junto à presidência da Assembleia Legislativa para a destinação de R$ 1 milhão do duodécimo que foi devolvido à gestão estadual para ser repassado à entidade. O valor liberado será utilizado para o custeio de despesas com profissionais, do público atendido, de gastos com exames, entre outros.
“Desde o primeiro contato que tive com essa instituição, me sensibilizei com o trabalho que eles realizam em prol do próximo. Ainda mais que toda a diretoria da APOR exerce um papel humanizado e de forma voluntária. Mesmo nas dificuldades, eles não desistem. Lutam incansavelmente para contribuir com esses pacientes e seus familiares que necessitam de apoio, em um momento que estão mais frágeis devido à situação de saúde. Agradeço à Assembleia Legislativa que atendeu o nosso pedido e, também, sensibilizou com a causa!”, declarou o deputado.
Custeio
De acordo com o vice-presidente da APOR, Adevaldo Narciso da Costa, esse recurso veio em um melhor momento, já que a instituição é sem fins lucrativos, de caráter beneficente e assistencial, que depende do apoio voluntário e de parcerias. “Com a pandemia da Covid-19, enfrentamos muitas dificuldades. Tivemos que interromper a realização de eventos para arrecadar fundos para apoiar os pacientes oncológicos, devido não poder ter aglomerações de pessoas, para ajudar na manutenção da Casa de Apoio e no fornecimento de quatro refeições diárias por pessoa”, comenta.
Ele cita que a verba recebida servirá para pagar as despesas de exames como monografias, ultrassons, auxílios nas cirurgias oncológicas, acompanhamento com psicólogos, nutricionistas e terapeutas oncológicos. “Em nome dos pacientes oncológicos, fica o nosso agradecimento total ao deputado Delegado Claudinei. Realmente, não tenho palavras para agradecer. Fomos atendidos. Um grande alívio! Quem está usando o serviço, sabe o quanto é importante. Buscamos proporcionar um tratamento de qualidade e humanizado”, salienta Adevaldo.
O presidente Antônio Miguel Weber da APOR agradeceu a todos os envolvidos em defender o projeto da instituição. “Agradeço o encaminhamento feito pelo deputado Claudinei, ao governo de Mato Grosso, as Secretarias de Fazenda e de Saúde que liberaram o pagamento. Deus abençoe a todos! Em nome de todos os pacientes!”, declarou.
Duodécimo
Claudinei conheceu a sede da APOR, em maio de 2021, tendo uma percepção dos trabalhos, da estrutura física e Casa de Apoio e dos projetos desenvolvidos pela instituição que atende a população das regiões sul e sudeste de Mato Grosso.
Com o valor garantido de R$ 1 milhão com a Assembleia Legislativa, no dia 25 de outubro de 2021, foi feita a alteração na destinação do recurso para que 50% fosse remanejado para o custeio da unidade e o restante utilizado no imóvel - doado por meio do Ministério Público Estadual (MPE) – para contribuir na construção do Centro de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer da Apor.
Adevaldo explica que já foi feita a elaboração do projeto executivo com engenheiro de Rondonópolis e encaminhado para a Secretaria de Infraestrutura de Mato Grosso (Sinfra) para avaliação e aprovação. Ele aguarda as considerações e se for aprovado, conta com a liberação do restante do recurso do duodécimo para ser aplicado na obra do Centro da APOR.
Entidade - A Associação foi fundada em 2009 e é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), em que busca acolher e atender de forma humanizada os pacientes. Desde 2012, a entidade atua em parceria com a Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos