Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Seu título está na mão

Seu título está na mão
1º Título de Eleitor Decreto nº 3.029 - 9.1.1881

Assembleia Legislativa de Mato Grosso

Assembleia Legislativa de Mato Grosso
Seja bem-vindo ao perfil oficial da Assembleia Legislativa de Mato Grosso!

terça-feira, 26 de abril de 2022

Abenc-MT com apoio do Crea-MT realiza palestra: “Panorama do Saneamento em Cuiabá”, através da Águas Cuiabá

A Associação Brasileira de Engenheiros Civis- Departamento de Mato Grosso (Abenc-MT) com apoio do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) realizou neste mês de abril a palestra: “Panorama do Saneamento”, ministrada pelo diretor geral da Águas Cuiabá, Wiliam Figueiredo.
Para o palestrante é um momento importante para a companhia de Água. E passar a classe da Engenharia, o que vem sendo desenvolvido na capital. São grandes investimentos que foram realizados em Cuiabá com relação ao tratamento de água e esgoto. “ Não é algo que a Águas Cuiabá faz sozinha, a companhia desempenha em conjunto com a sociedade e principalmente com a classe da Engenharia. Toda obra tem uma intervenção. Por exemplo, é feita a escavação, instalação da tubulação, enfim , precisamos dividir com a sociedade esse processo. Um momento importante para discutir para qual caminho estamos seguindo. Atualmente Cuiabá evoluiu muito no saneamento básico, inclusive subiu o ranking no país, graças a tudo que foi desempenhado. Uma oportunidade para destacar o que faremos daqui para frente. Existe ainda um grande planejamento para rede coletora de esgoto. Agora em 2022, terão várias obras na cidade para continuar a implantação da rede de esgoto”, disse o diretor da companhia de água.
Na oportunidade, Wiliam explanou que final de abril será inaugurada a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) no bairro Ribeirão do Lipa, fazendo parte dos investimentos da companhia de água no município, que atenderá aproximadamente 30 mil habitantes, uma estação de grande porte e moderna.
“O saneamento da capital é considerado atualmente como referência nacional, colocando Cuiabá entre as melhores capitais do Brasil, ou seja, na questão de saneamento básico. Precisamos da parceria da Engenharia, até porque esse investimento acaba interferindo na mobilidade urbana, através da construção de reservatórios, novas ligações de água e de esgoto. Sabemos onde a cidade está crescendo porque acaba aprovando os loteamentos e empreendimentos, e é preciso dividir com todos. Esse é um momento de prestação de contas e oportuno para estar realizando esse debate”, disse ele.
Para o coordenador da Câmara Especializada de Engenharia Civil, conselheiro, eng. civil Darci Lovato, é de grande interesse essa explanação do panorama do saneamento de Cuiabá: água e esgoto foi exitoso, até porque pode ser observada as ações do dia-a-dia. “ Ao passar pelas ruas dos bairros e ver os trabalhos. Já nos pontos de atendimentos das empresas, que tem a concessão, podemos deparar com os aspectos técnicos, porém não vemos os números e como está sendo o planejamento da empresa, como era antes e como está agora. Com essa ação que a Abenc-MT promoveu, estivemos uma clara posição o que era, e o que está sendo feito e qual a perspectiva”, disse Darci.
O conselheiro exemplificou que Cuiabá está na posição do ranking de saneamento no Brasil. É importante essa aproximação da companhia e com os profissionais do Sistema Confea/Crea, porque a água e o saneamento são de competências das engenharias. “Por isso o Crea-MT tem que estar presente no progresso e se integrar. “As Câmaras de Engenharia Civil do Conselho, por exemplo, agregam a Engenharia Sanitária e ambiental que fazem parte desse trabalho. É indispensável o Conselho estar acompanhando essa evolução. Temos a Comissão Crea Júnior e precisamos colocar os futuros profissionais que finalizarão os cursos que fazem parte do Sistema Confea/Crea para acompanharem essa evolução, até mesmo ajudar na atividade profissional de sua modalidade. Futuramente serão realizadas outras ações nesse sentindo com essa integração, para que dessa forma a Engenharia observe esse crescimento do saneamento em Cuiabá”, detalhou Darci.
Já o vice-presidente da Abenc-MT, eng. civil Archimedes Pereira Lima Neto, o encontro tem a importância de obter as informações sobre Cuiabá, e para o engenheiro que mora na capital e está acompanhando. Essas transformações que a Capital vem sofrendo com rede de Água e saneamento, são informações para o usuário que também é profissional do Sistema. “ Um trabalho sendo de grande valia, principalmente com relação ao melhor planejamento. Os engenheiros precisam entender como a cidade está caminhando, onde estão os investimentos. E para isso as águas Cuiabá pode estar fornecendo essas informações, para os associados da Abenc-MT, que engajam várias modalidades de engenharia: civil, elétrica, sanitarista e outros que estão incluídos nesse processo.
Investimento
Serão R$ 1,2 bilhão de investimentos até 2024, destinados para a implantação de novas redes de coleta de esgoto, adutoras, reservatórios, revitalização de estruturas e construção de estações de tratamento de água e esgoto (ETAs e ETEs), entre outros avanços importantes para a qualidade de vida dos moradores de Cuiabá.
A primeira etapa do plano de investimentos em saneamento, intitulado Projeto Águas Cuiabá 300, está estabelecida em Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com a Prefeitura de Cuiabá e o Ministério Público de Mato Grosso. É compromisso selado e já em andamento, em prol da comunidade.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos